header top bar

section content

Globo mostra situação da UPA de Sousa; Moradores lamentam e Secretária explica polêmica. Veja Vídeo!

As máquinas da unidade foram retiradas, sendo apreendidas pela Polícia Militar após receber denúncia que estaria sendo levadas da UPA de forma irregular

Por Ana Maria

08/12/2016 às 17h13 • atualizado em 08/12/2016 às 17h17

A reportagem da TV Paraíba, afiliada a rede Globo, destacou em reportagem nessa quarta-feira (7), a retirada de algumas máquinas da UPA de Sousa, no Sertão da Paraíba.

Uma moradora da cidade falou que sempre que precisa de atendimento médico é preciso ir para o Hospital Regional, mesmo residindo próxima a Unidade.

“A UPA estava funcionando, mesmo sendo inaugurada não sei quantas vezes, e em 2012 aconteceu à mesma coisa que está acontecendo hoje”, disse a diarista, Maria José.

Os moradores da cidade denunciam que não tem médico.

“Tem que ir para Campina Grande porque aqui não tem médico para atendimento”, relatou o aposentado, Valdemar Alvino.

Na noite de terça-feira (6), as máquinas da unidade foram retiradas, sendo apreendidas pela Polícia Militar após receber denúncia que estaria sendo levadas da UPA de forma irregular.

Segundo a Polícia Civil, ainda não foi caracterizado nenhum crime, mas as dez máquinas apreendidas ficaram no pátio da delegacia de Sousa até que seja provada a propriedade do material que deve passar por uma perícia.

Conforme as denúncias às máquinas teriam sido retiradas por ordem do deputado federal, Renato Gadelha.

Nas redes sócias o deputado informou que as camas e os dez colchões pertencem ao Hospital João XXIII, localizado em Campina grande. Ele que já foi diretor do hospital, alegou que os equipamentos foram cedidos a Prefeitura de Sousa que administra a UPA, como não estavam sendo usados, então solicitou a devolução.

“Essas máquinas pertencem ao Hospital João XXIII, que é propriedade do deputado Renato Gadelha e tinha sido cedido por um curto espaço de tempo, enquanto tramitava um procedimento licitatório junto a Prefeitura de Sousa, e foi comunicado que elas seriam retiradas, inclusive depois do prazo mínimo que teria sido concedido”, falou o advogado de Renato Gadelha, Rinaldo Mouzalas.

A Secretária de Saúde informou que a UPA está funcionando de forma mínima, devido à quantidade de profissionais no local, ainda esclareceu que elas são mesmo do Hospital João XXIII e que estavam cedidas desde setembro deste ano.

As máquinas já foram devolvidas para voltar ao João XXIII, localizado em Campina Grande.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

FORA DE CIRCULAÇÃO

VÍDEO: delegado fala sobre a prisão de homem suspeito de fabricar armas de fogo em Sousa

ELEIÇÕES 2020

VÍDEO: Paula revela quem ela e Zé Aldemir apoiarão nas eleições das cidades de Uiraúna e Santa Helena

EXPLICAÇÕES

VÍDEO: Governador diz que falta de legista no fim de semana no IPC de Cajazeiras está sendo resolvida

CARNE OU OVO?

VÍDEO: após o aumento do preço da carne, consumo de ovos dispara na cidade de Sousa