header top bar

section content

Engenheiro revela que aeroporto de Cajazeiras tem baixa classificação pela ANAC e se diz indignado: “Linhas áreas só em sonho. Aeroporto de teco-teco”

Ele explica que nos dados do aeródromo de Cajazeiras está registrado que o PCN da pista é 6. "Não podemos falar em linhas aéreas"

Por Jocivan Pinheiro

03/03/2017 às 20h49 • atualizado em 04/03/2017 às 10h48

Inaugurado oficialmente pelo Governo do Estado em novembro de 2016, o aeródromo de Cajazeiras ainda não pode funcionar como um aeroporto de fato. Dois motivos básicos travam o projeto: a falta do balizamento noturno e de contratos com empresas para serem implantadas linhas aéreas com aviões de, no mínimo, médio porte.

De acordo com o engenheiro Alexandre Costa, o primeiro obstáculo está próximo de ser superado após o Governo do Estado anunciar que a empresa responsável pela instalação da estrutura do balizamento já foi escolhida através de licitação, embora a data para o início da obra ainda não tenha sido confirmada.

VEJA MAIS: Empresário quer implantar linhas aéreas nos aeroportos de Cajazeiras e Patos

Avião do Governo do Estado posa no aeródromo de Cajazeiras no dia da inauguração

Já o segundo problema pode adiar o sonho da implantação de linhas aéreas com grandes aeronaves. Alexandre Costa revelou que ao consultar dados do aeródromo de Cajazeiras na ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil), identificou que a pista de pouso e decolagem não está dentro dos parâmetros internacionais exigidos para receber aviões médios e grandes.

Ele explica que nos dados do aeródromo de Cajazeiras está registrado que o PCN da pista é de apenas 6. Na aviação, o PCN – Pavement Classification Number – é um número que indica a resistência de um pavimento. Segundo Alexandre Costa, para aeronaves de médio e pequeno porte o PCN da pista deve variar entre 24 a 46, ou seja, se a pista do aeródromo de Cajazeiras for mesmo classificação 6, está muito abaixo do exigido.

Técnicos da ANAC vistoriam a pista do aeródromo de Cajazeiras

O engenheiro ainda não tem certeza se esse é mesmo o PCN da pista ou se foi erro de digitação. Mas foi sarcástico ao comentar sobre a possibilidade de implantação de linhas aéreas em Cajazeiras.

– Não podemos falar em linhas aéreas porque o aeroporto só recebe teco-teco. Essa classificação 6 é inferior a um pavimento de terra batida. Temos que corrigir isso para trabalhar com linhas aéreas – disse.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

MAIS EDUCAÇÃO

VÍDEO: No 2º dia da Mostra de Conhecimentos do N. S. do Carmo, alunos se destacam em temáticas diversas

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: No Mês da Black Friday, concessionária Brazauto oferece preços e formas de pagamento especiais

VÍDEO

Vereador lamenta falta de doação ao Hospital Laureano e acusa prefeito de Pombal: “Virou as costas”

TROVÃO NO BRASILEIRÃO

VÍDEO: Prefeito se compromete a patrocinar o Atlético de Cajazeiras com R$ 20 mil mensais em 2020