header top bar

section content

VÍDEO: Artista internacional comemora shows na Itália e revela que negará ser da cidade de Cajazeiras

“A gente fica desgostoso. Se toca, as vezes não paga todo, é complicado”, criticou ele, declarando que vai dizer que é natural de outra cidade.

Por Luzia de Sousa

06/03/2018 às 15h30 • atualizado em 06/03/2018 às 16h46

O vocalista da banda internacional Pagodão SA, o cajazeirense Genilson Silva (G do Pagodão), em entrevista à TV Diário do Sertão esta semana comemorou sua participação no maior evento brasileiro fora do Brasil, o Brazilian Day, que já está na 34ª edição e este ano acontecerá no mês de setembro em Toscana, na Itália.

Veja mais!

+ CONTRATOU BANDA DE SOUSA: Atração cajazeirense conhecida internacionalmente fica fora da programação do Xamegão e declara: “Bateu uma tristeza”. VÍDEO!

Músicos cajazeirenses criticam prefeito por ter mais bandas de Sousa do que de Cajazeiras no carnaval

G do Pagodão explicou que se apresentará com sua banda nos dias 6, 7 e 8 de setembro para os brasileiros que moram fora do país.

O artista revelou que sua decisão neste momento é de chegar no país europeu e negar suas raízes: “Até agora a decisão tomada por mim é que eu irei dizer que não sou dessa cidade (Cajazeiras)”.

Segundo ele, sua decisão é por ter ficado desgostoso com Cajazeiras, pois repetidas vezes, e em vários governos municipais, mesmo sendo filho da Terra do Padre Rolim não é convidado para as festas públicas, Carnaval e Xamegão.

“A gente fica desgostoso. Se toca, as vezes não paga todo, é complicado”, criticou ele, declarando que vai dizer que é natural de outra cidade.

Cidade
A Toscana é uma região da Itália central com cerca de 3,7 milhões de habitantes e 22 997 km², cuja capital é Florença.

Mais
Nesse final de semana, o jornalista e apaixonado por Cajazeiras, Sales Fernandes usou sua página do Facebook para criticar e taxou a cidade de “ingrata”, por não ter homenageado o seu filho ilustre, Edme Tavares, que deixou um legado de trabalho para a Terra do Padre Rolim.

Sousense homenageia ilustre cajazeirense na capital e jornalista tacha cidade de Cajazeiras de “ingrata”

O jornalista relembrou do legado deixado por Edme Tavares a sua Terra natal, mas que foi esquecido por autoridades em termos de homenagem e justiça ao político que teve grande notoriedade na época.

DIÁRIO DO SERTÃO

FASE DE 'ÓCIO'

VÍDEO: Aposentado, jornalista da PB cita ex-colegas da imprensa que ele admira e diz se pretende voltar

GOVERNADOR ELEITO

VÍDEO: Azevêdo diz que apesar de Sousa não eleger nenhum deputado, cidade terá representante no governo

AGRADECIMENTOS

VÍDEO: Em show após morte do pai, cantor cajazeirense emociona ao contar trajetória e apoio da família

SE POSICIONANDO

Líder católico de Cajazeiras grava vídeo fazendo apelo para não votarem em Bolsonaro “pelo amor de Deus”