header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

LUTA PELA VIDA! Professora com câncer no cérebro precisa de medicação que custa 7,6 mil por mês. AJUDE!

Para conseguir comprar a medicação que custa R$ 7,6 mil por mês, familiares e amigos realizam rifas, bingos e campanhas nas redes sociais.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

30/06/2018 às 10h55 • atualizado em 30/06/2018 às 11h06

Familiares e amigos realizam campanha nas redes sociais (foto: Facebook)

A professora Wilza Lygia Pereira da Silva Dantas, de 42 anos, precisou se afastar das salas de aulas por algum tempo, pois, ela agora está cuidando de sua saúde após descobrir um câncer no cérebro diagnosticado no dia 25 de janeiro deste ano.

Com a descoberta do câncer, Wilza que mora em Catolé do Rocha, mudou totalmente sua rotina. Ela já passou por cirurgia para retirada do tumor na cabeça, em seguida realizou 30 sessões de radioterapia no Hospital Napoleão Laureano em João Pessoa, mas esses procedimentos não foram suficientes. Wilza precisa tomar uma medicação que custa em média 7,6 mil por mês.

AJUDE
Para conseguir comprar a medicação, familiares e amigos realizam rifas, bingos e campanhas nas redes sociais. A professora precisa tomar essa medicação durante no mínimo seis meses para dar continuidade ao tratamento contra o câncer.

Medicação custa 7,6 mil por mês (foto: Facebook)

JUSTIÇA FOI ACIONADA
Familiares buscaram a Secretaria de Saúde da Paraíba para que o Governo do Estado forneça as medicações, porém, não tiveram nenhuma resposta. O caso foi parar na justiça que determinou através de uma liminar que a secretaria de saúde forneça o medicamento, no entanto, até o momento essa decisão não foi cumprida.

DIÁRIO DO SERTÃO

HERANÇA ARTÍSTICA

VÍDEO: Filho de grande nome da música brasileira agita a Festa do Brega no Cajazeiras Tênis Clube

EM JOÃO PESSOA

VÍDEO E FOTOS: Posse da nova diretoria da API é marcada por repentes, lançamento de livro e emoção

DUPLA CERIMÔNIA

VÍDEO: OAB lança em Cajazeiras as chapas para as eleições da Seccional Paraíba e da Subseção local

EX-ALIADO

VÍDEO: Vereador revela que defender professores foi a ‘bomba’ que iniciou rompimento com José Aldemir