header top bar

section content

Vereador denuncia que carne para consumo humano em cidade do Sertão é transportada em carro de entulhos

A chegada da carne foi flagrada em vídeo por moradores da cidade. Uma denúncia foi registrada no Ministério Público do Estado.

Por Luzia de Sousa

25/07/2018 às 16h41 • atualizado em 25/07/2018 às 16h45

Uma denúncia da TV Cariri dá conta que o transporte da carne feita para o consumo humano na cidade de Princesa Isabel, Sertão da Paraíba está sendo feito em caminhão que carrega entulhos.

+ VÍDEO: estudo aponta que nenhum abatedouro do Alto Sertão da PB oferece qualidade na carne. Sousa e Cajazeiras na lista

A carne que vem do Matadouro Público de Juru, segundo a TV é transportada pela Prefeitura de Princesa Isabel até o Açougue Municipal.

A chegada da carne foi flagrada em vídeo por moradores da cidade. Uma denúncia foi registrada no Ministério Público do Estado pelo vereador Erivonaldo Freire (MDB).

Segundo o vereador, o Matadouro Público de Princesa Isabel continua interditado por falta de higiene.

Denúncia feita ao MP (Foto; TV Cariri)

O outro lado
O prefeito Ricardo Pereira (PSB), usou as redes sociais para informar que o veículo em questão transporta material de construção, mas que não pertence a prefeitura. Ele garantiu que vai abrir um processo administrativo para apurar a denúncia.

Estudo
Um estudo realizado em 66 abatedouros de 65 municípios da Paraíba concluiu que a carne abatida no interior do Estado não oferece condições de higiene e consumo para a população. O trabalho foi concluído pela professora de medicina veterinária, Thais Feitosa, do IFPB/Sousa.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

Secretário de João Azevêdo defende aproximação de Dra Paula e Zé Aldemir ao Governo estadual

BRIGA NO CARNAVAL

VÍDEO: Autoridades policiais revelam que suspeitos do crime na Vila Nova em Cajazeiras alegaram vingança

SAÚDE

VÍDEO: Mensagem Empresarial recebe médico radiologista e tira dúvidas sobre os exames por imagem

CRISE NO PSB

VÍDEO: Nonato Bandeira evita dar resposta a Ricardo por determinação de João Azevêdo: “Estamos focado no trabalho”