header top bar

section content

Raios, trovões, ventania e chuva de 115 mm assustaram a população de Sousa. Veja os índices na região

Os ventos chegaram a danificar estruturas de prédios comerciais, casas e ruas que ficaram completamente alagadas.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

18/01/2019 às 15h10 • atualizado em 18/01/2019 às 15h11

Raios nos céus de Sousa (Foto: Charley Garrido)

Uma verdadeira tempestade com cenas de filme de terror foram registradas na cidade de Sousa, Sertão do estado, durante a noite de quinta-feira (17) e madrugada desta sexta-feira (18).

+ Hospital Regional de Sousa fica sem energia e pacientes graves são transferidos para outros hospitais

+ VÍDEOS: Chuva com vendaval causa destruição de prédios em Cajazeiras e Sousa e assusta moradores

+ VÍDEO: chuvas na região do Vale do Piancó destroem festa de São Sebastião e danificam veículo

A chuva de 115,5 mm começou a cair e veio acompanhada de fortes ventos e muitos raios, assustando a população.

Os ventos chegaram a danificar estruturas de prédios comerciais, casas e ruas que ficaram completamente alagadas.

Fachadas de lojas, vitrines e telhados foram arrancados com a força do vento. Caixas de água também foram arremessadas de cima de algumas residências.

Uma árvore caiu e danificou o sistema de energia do Hospital Regional, ocasionando a interrupção da energia. Pacientes da áreas vermelha e UTI, tiveram que ser removidos para outras unidades hospitalares, até que o problema fosse solucionado completamente.

Caixa d’água foi parar no meio da rua em Sousa

No Centro cidade, uma árvore centenária também caiu.

O muro de proteção do Centro Educacional do Adolescente (CEA), acabou caindo, e a polícia militar teve que montar uma segurança extra no local. No Terminal Rodoviário o prejuízo ficou por conta do telhado, que ficou totalmente destruído.

Destruição causada pelas fortes chuvas em Sousa

Em uma loja de venda em atacado, a vidraça acabou explodindo, parte do teto desabando e ferindo um dos funcionários que ainda estava no local com cortes profundo. Apesar do ferimento, ele não corre risco de vida.

Durante toda a tempestade, raios e trovões ecoavam por toda a parte.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e o Corpo de Bombeiros, não pararam um só minuto. Vários chamados no momento das chuvas, fizeram com que os serviços de urgência trabalhassem dobrado.

Algumas casas também sofreram com as fortes chuvas em Sousa

ÍNDICES DAS CHUVAS NA REGIÃO DE SOUSA
Na região de Sousa também houve registros de chuvas. Em São Gonçalo choveu cerca de 45,mm e em  São Francisco 107 mm, Vieirópolis 34,4 mm, Aparecida 35 mm, lastro 22,9 mm, Santa Cruz 57 mm e Nazarezinho 26,8 mm, segundo dados oficiais do AESA

OUTROS MUNICÍPIOS

Riacho dos Cavalos, 56,5 mm
Aguiar, 49.2 mm
Catolé do Rocha, 40,9 mm
Vista Serrana, 36,5 mm
Itaporanga, 33 mm
Belém do Brejo do Cruz, 32 mm
São José do Brejo do Cruz, 26,5 mm
Bom Sucesso, 17,3 mm
Cachoeira dos Índios, 16 mm
São Domingos do Cariri, 15,8 mm

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

POBREZA EXTREMA

VÍDEO: Desempregada, doente e grávida, mulher faz apelo por ajuda em Cajazeiras para não passar fome

ESTUDO INÉDITO

VÍDEO: Expedição da FSM vai explorar o Nordeste para resgatar saberes populares sobre plantas medicinais

"ONIX, ONIX, ONIX"

VÍDEO: Festa retrô com banda dos anos 90 resgata carnaval com blocos tradicionais de Cajazeiras

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Após fazerem as ‘pazes’, Jeová e Júnior vão dividir cargos na saúde com Estela, diz comentarista