header top bar

section content

VÍDEO: Chuvas destroem ruas de Cajazeiras que não são pavimentadas e moradores cobram ação da Prefeitura

Os moradores do conjunto habitacional Fátima Santos reivindicam uma obra definitiva na rua Francimeire Rolim de Albuquerque, conhecida como "Rua da Explosão"

Por Jocivan Pinheiro

21/02/2019 às 15h37 • atualizado em 21/02/2019 às 15h40

Moradores do conjunto habitacional Fátima Santos, no Bairro dos Remédios, em Cajazeiras, reivindicam da prefeitura uma obra definitiva na rua Francimeire Rolim de Albuquerque, que ficou conhecida como “Rua da Explosão”. De acordo com os moradores, a rua fica quase intrafegável quando chove.

A via pública não é calçada nem asfaltada, por isso quando chove formam-se grandes poças na terra. Além disso, o tráfego fica pior por causa da irregularidade do solo. Segundo os moradores, basta uma chuva leve para alagar grande parte da rua.

“A dificuldade é diária. Está uma calamidade, e só resolve calçando. Sai bastante gente com criança para a escola e é muito perigoso alguém cair e se machucar. Que a prefeitura venha e olhe por nós porque isso aqui é dever básico dela”, disse o morador Antônio Filho.

VEJA TAMBÉM

+ Sousa, Cajazeiras, Pombal: Inmet emite alerta de chuvas intensas e perigo potencial para o Sertão

Rua Francimeire Rolim de Albuquerque, no conjunto habitacional Fátima Santos

O secretário de Infrastrutura de Cajazeiras, João Filho, explica que a rua Francimeire Rolim de Albuquerque é uma das 400 ruas que ainda não foram pavimentadas, e que a prefeitura tem realizado intervenções pontuais programadas para amenizar os estragos causados pelas chuvas.

“A gente tem que, pacientemente, receber as reivindicações, fazer uma programação e ver de que maneira atuar. Essas intervenções no Bairro dos Remédios a gente está programando. Temos que conciliar as demandas do maquinário que a gente tem com zona rural e com cidade”.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: Ex-ministro da Justiça afirma que Lula é inocente e defende anulação da sentença pelo STF

VÍDEO

Delegada da Mulher de Patos declara que aumento de feminicídios na região chama atenção pela crueldade

HOSPITAL UNIVERSITÁRIO

VÍDEO: Comitê Pró-HU do Sertão volta de Brasília otimista com possível aumento de recursos para a obra

123 DIAS

VÍDEO: Dra. Paula pede licença na Assembleia para cuidar da saúde; ela passará por duas cirurgias