header top bar

section content

VÍDEO: Cajazeirense diagnosticado com síndrome rara tem benefício cortado pelo INSS e precisa de ajuda

Muniz Lima, mais conhecido por Preto, foi acometido a mais de um ano com a Síndrome de Guillain-Barré, uma doença que mesmo tratada, não tem cura.

Por DIÁRIO DO SERTÃO

30/03/2019 às 08h36 • atualizado em 30/03/2019 às 08h37

Um morador da cidade de Cajazeiras, Sertão do estado, foi diagnosticado com uma síndrome rara e impossibilitado de trabalhar, precisa de ajuda para sobreviver.

Muniz Lima, mais conhecido por Preto, foi acometido a mais de um ano com a Síndrome de Guillain-Barré, uma doença que mesmo tratada, não tem cura.

De uma família humilde, Preto enfrenta dificuldades financeiras após o seu benefício ter sido cortado pelo INSS, e por ter que se locomover periodicamente para Fortaleza, no Ceará, onde realiza o tratamento da doença.

“Tem sido difícil.. tenho uma filha de 3 anos, moro em casa de aluguel e estou vivendo da ajuda de amigos”, disse Preto.

Preto tem 42 anos é filho de Tutu dos Radiadores, e é bastante conhecido na Terra de Padre Rolim. Ele trabalhava na cidade como mecânico e desabafou sobre as suas condições no momento: “Vim parar de trabalhar agora, se não fosse essa doença, estaria trabalhando até hoje”

O QUE É GUILLAIN-BARRÉ?

A síndrome de Guillain Barré é um distúrbio onde o sistema imunológico do próprio corpo ataca parte do sistema nervoso, que são os nervos que conectam o cérebro com outras partes do corpo. É geralmente provocado por um processo infeccioso anterior e manifesta fraqueza muscular, com redução ou ausência de reflexos.

O cajazeirense Muniz Lima, mais conhecido como Preto

Podem desencadear essa doença a Zika, dengue, chikungunya, sarampo, vírus de influenza A, Mycoplasma pneumoniae, hepatite A, B, C, HIV, entre outros.
A doença inicialmente começa com a sensação de dormência ou queimação nos pés e pernas e, em seguida, mãos e braços. Dor neuropática lombar ou nas pernas pode ser vista em pelo menos 50% dos casos. Fraqueza progressiva é o sinal mais perceptível ao paciente, ocorrendo geralmente nesta ordem: membros inferiores, braços, tronco, cabeça e pescoço.

Os sintomas principais da Síndrome de Guillain Barré são fraqueza muscular que começam pelas pernas, podendo, em seguida, progredir ou afetar o tronco, braços e face, com redução ou ausência de reflexos. A síndrome pode apresentar diferentes graus de agressividade, provocando leve fraqueza muscular em alguns pacientes ou casos de paralisia total dos quatro membros.

COMO AJUDAR

Para quem quiser ajudar o jovem, pode deixar suas doações em sua residência, que fica na Rua Ernesto Rolim nº 43 – Centro ou através de qualquer quantia em dinheiro:

Caixa Econômica Federal
Agência: 0040 Operação: 023
Conta 12191-3
Favorecido: Amanda dos Santos (esposa).

Qualquer dúvidas entre em contato pelo nº (83) 9-9138-2336.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

ESPECIAL DE PÁSCOA

VÍDEO: TVDS exibe programa ‘Mensagem de Fé com Frei João Batista’ em especial de Semana Santa

FÉ E DEVOÇÃO

Sexta-feira Santa em Cajazeiras é marcada por várias celebrações religiosas e grande número de fiéis

SAÚDE

VÍDEO: Xeque Mate fala sobre a obesidade e médica endocrinologista tira dúvidas sobre a doença; Veja!

SEMANA SANTA PARA OS EVANGÉLICOS

VÍDEO: Pastor fala sobre significado da Páscoa para os protestantes: “É o sacrifício e a libertação”