header top bar

section content

Bebê de 11 meses não resiste a uma parada cardiorrespiratória e morre em Hospital de Patos

Ainda de acordo com a família, o casal está inconsolável e preferiu não falar sobre o assunto.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

29/11/2019 às 17h00

João Miguel era filho único do casal da cidade de Teixeira (Foto: Reprodução / Arquivo Pessoal)

Um bebê de apenas 11 meses acabou morrendo após sofrer uma  parda cardiorrespiratória, na cidade de Patos, Sertão do estado.

O pequeno João Miguel Alves, natural de Teixeira, na região de Patos, deu entrada no Hospital Infantil Noaldo Leite, na quinta-feira (28) com um quadro de anemia e infecção urinária.

Segundo informações de familiares, o estado de saúde do bebê acabou se agravando, ele foi internado na UTI da unidade hospitalar, mas acabou não resistindo e vindo a óbito nesta sexta-feira (29). O pequeno era o primeiro filho do cabeleireiro Gabriel Paulino e sua companheira, a jovem Mikaele Gomes. Ainda de acordo com a família, o casal está inconsolável e preferiu não falar sobre o assunto.

O corpo de João Miguel está sendo sepultado em sua casa, na cidade de Teixeira, e será sepultado na manhã de sábado (30) no cemitério local.

Amigos e familiares lamentaram nas redes sociais a morte do pequeno: “Que Deus conforte o coração desses pais é uma dor que não se explica uma dor sem fim”, disse uma das mensagens no Facebook.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

DESTAQUE

VÍDEO: Projeto de microcrédito coordenado por cajazeirense vence prêmio internacional em São Paulo

SE SENTINDO TRAÍDO

VÍDEO: Ricardo cita nomes responsáveis por racha e rejeita amizade com João: “Está na página deplorável”

FIM DO SONHO?

VÍDEO: Membro do comitê pede explicações sobre a não entrega do projeto do HU do Sertão dentro do prazo

VÍDEO

Júnior promete apoiar Denise para disputar prefeitura de Cajazeiras e denuncia gestão de Zé Aldemir