header top bar

section content

Em postagem, Vituriano diz que pessoas estão preferindo roubar propriedades rurais a trabalhar na roça

O médico e ex-prefeito de Cajazeiras diz que os donos de terra estão com dificuldade para contratarem pessoas dispostas a trabalharem no ramo da agricultura hoje

Por Jocivan Pinheiro

26/12/2019 às 15h00 • atualizado em 26/12/2019 às 15h03

Antônio Vituriano de Abreu

Em uma postagem feita no seu Facebook na manhã desta quinta-feira (26), o médico e ex-prefeito de Cajazeiras Antônio Vituriano de Abreu afirma que donos de terras estão com dificuldade para contratarem pessoas dispostas a trabalharem no ramo da agricultura hoje em dia.

No texto, Vituriano, que possui uma propriedade rural no Riacho do Meio, zona rural de Cajazeiras, alega que há trabalho disponível com boa remuneração e também há ‘mão-de-obra para os serviços de roça’. Porém, segundo ele, essa mão-de-obra dispensa o trabalho por uma série de razões.

VEJA MAIS: Criação de empregos formais em novembro atinge maior nível desde 2010, diz Caged

De acordo com Vituriano, os trabalhadores não querem mais exercer atividades rurais para não terem que assinar carteira e, com isso, perderem o benefício do Bolsa Família; também para não perderem a ‘aposentadoria rural’ e, ainda, porque preferem ser diaristas para não terem que cumprir horário e receber ordens.

“Acredito que não há falta de dinheiro pra ninguém nem tampouco desemprego. Eis um caso a ser analisado pelo setor competente para depois divulgar o número de desempregados no Brasil. Essa de divulgarem um número de ora 14 milhões, ora 12 milhões de desempregados não representa a realidade. Ora, ninguém quer trabalho rural, muitos escolhem trabalhos urbanos que não assinem as carteiras senão perdem o Bolsa Família, outros não querem perder sua aposentadoria rural porque está perto e o sindicato orienta, outros preferem diaristas porque não gostam de ser obrigados a comparecerem todo dia e não serem mandados por ninguém, afora os profissionais do atestado médico”, escreve o ex-prefeito.

Na mesma postagem, Vituriano diz que outras pessoas dispensam o trabalho no campo para praticarem furtos em propriedades rurais. Ele cita um caso recente de rubo de ovelhas em uma propriedade de Cajazeiras: “Lamento não terem coragem para o trabalho, mas têm para os furtos! Se não aparecer mais punições, dobrarão mais ladrões”.

Leia a postagem completa

Redação DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

NOVAS OBRAS

VÍDEO: Governador diz que pretende iniciar em 2021 a construção de importante estrada no Vale do Piancó

ONDA DE ASSALTOS

VÍDEO: Mototaxista de Cajazeiras diz que teme pela vida e pede mais segurança à Polícia Militar

NOVAS TAXAS

VÍDEO: Empresário fala sobre redução nos juros do cheque especial alertando cuidados na sua utilização

SUCESSO

VÍDEO: Mensagem Empresarial recebe amigos empresários e destaca a trajetória da empresa Padrão Social