header top bar

section content

VÍDEO: Chuva da passagem de ano alegra sertanejos, mas moradores já apontam os primeiros transtornos

- Os sertanejos da PB comemoram a volta das chuvas, mas, como em todos os anos, ela já traz os primeiros transtornos, como alagamentos e deslizamentos de terra

Por Jocivan Pinheiro

01/01/2020 às 15h10 • atualizado em 01/01/2020 às 15h24

Os moradores do Sertão da Paraíba começaram o ano de 2020 com a esperança de um bom período de chuvas nos primeiros meses, isso porque a água caiu em praticamente toda a região nesta terça-feira (31) e ainda há precipitações acontecendo nesta quarta (1º).

Em Cajazeiras, que é município polo de uma região com 15 municípios, a chuva começou a cair por volta das 16h de terça (vídeo), se intensificou à noite e só parou por volta de meio dia desta quarta. A Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa) ainda não divulgou os índices pluviométricos.

Os sertanejos comemoram a volta das chuvas, mas, como em todos os anos, ela traz os primeiros transtornos, como alagamentos e deslizamentos de terra.

De acordo com um alerta emitido pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) na segunda-feira (30), um total de 44 cidades do Sertão da Paraíba poderiam ser atingidas por chuvas intensas e sofrer danos estruturais.

Conforme o alerta, as chuvas podem variar entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, com ventos intensos de 40 a 60 km/h. Os riscos de cortes de energia elétrica, queda de galhos de árvores e alagamentos são baixos, mas o Inmet orienta que a população evite usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada, e em casos de rajadas de vento, não se abriguem debaixo de árvores.

Vale do Piancó

Na cidade de Itaporanga, ruas ficaram alagadas e casos inusitados aconteceram, como moradores ‘pescando’ peixes com as mãos em plena via pública. O município registrou chuva de 64 mm³.

Em Igaracy houve registro de 83,8 mm³; em Coremas, 59 mm³; em Curral Velho, 12,3 mm³; e em Conceição, 23,9 mm³. O Rio Piancó, que há meses estava seco, recebeu água de enxurradas.

VEJA TAMBÉM: Chuva registrada em Cajazeiras deixa centro da cidade inundado; previsão é de mais

Chuva causou alagamento em ruas de Patos (Foto: Reprodução/Patos Online)

Patos

Apesar de ser conhecida como ‘morada do sol’ devido às altas temperaturas durante boa parte do ano, Patos também recebeu muita água da chuva neste dia 31. Pluviômetros marcaram 67 mm³.

As pancadas de chuvas foram suficientes para causar alguns transtornos para a população, como alagamento de ruas e até invasão da água nas residências.

Na Rua Projetada, no bairro Novo Horizonte, moradores se assustaram quando a água da chuva começou a remover parte do aterro em um grande terreno próximo das casas localizadas abaixo da área.

Segundo os moradores, o aterro foi colocado há alguns meses para fazer terraplanagem no local, mas não foi fixada nenhuma barreira de contenção. Após o deslizamento, um trecho da rua ficou intransitável devido ao atoleiro. População teme que, com novas chuvas, a lama invada as casas.

Pode vir mais

De acordo com a Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), a formação de um vórtice ciclônico nos altos níveis da atmosfera sobre a região Nordeste deixa o céu encoberto em grande parte do estado. Assim, poderão ocorrer chuvas isoladas especialmente nas regiões do Sertão e Alto Sertão. A temperatura varia entre 35º (max) e 24º (min).

Redação DIÁRIO DO SERTÃO

LINHA DE FRENTE

VÍDEO: nove profissionais de saúde de Cajazeiras que testaram positivo para a COVID-19 já estão curados

INSUFICIÊNCIA RENAL

VÍDEO: médico revela que 30% dos pacientes que tiveram a COVID-19 precisarão passar por hemodiálise

CONFIRA OS NÚMEROS

VÍDEO: Pelo 2º dia consecutivo, Cajazeiras tem mais casos recuperados de Covid-19 do que confirmados

MANTENDO EM DIA

VÍDEO: Prefeito de São José de Piranhas anuncia data de pagamento de toda a folha salarial de julho

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!