header top bar

section content

VÍDEO: Prefeito de Cajazeiras aciona Justiça para não pagar auxílio a mototaxistas e outras categorias

Vereadores adicionaram emendas ao projeto incluindo as outras categorias. Porém o prefeito José Aldemir vetou as emendas alegando que elas são inconstitucionais

Por Jocivan Pinheiro

01/07/2020 às 17h18 • atualizado em 01/07/2020 às 17h27

O prefeito de Cajazeiras, José Aldemir Meireles (PP), encaminhou para a Justiça o Projeto de Lei do Executivo que cria um auxílio emergencial para os vendedores ambulantes e que teve duas emendas parlamentares na Câmara de Vereadores adicionando ao projeto os mototaxistas, taxistas, artesãos e catadores de materiais recicláveis.

O prefeito havia enviado o projeto original para votação na Câmara, onde os vereadores Moacir Menezes e Léa Silva (ambos do Cidadania) adicionaram duas emendas incluindo as outras categorias de trabalhadores informais no auxílio emergencial. A nova versão do projeto com as emendas foi aprovada por unanimidade. Porém, o prefeito José Aldemir vetou as emendas alegando que elas são inconstitucionais.

VEJA MAIS: Câmara de Cajazeiras derruba veto do prefeito e inclui categorias no auxílio emergencial

Segundo José Aldemir, a verba que será usada para pagar os 73 ambulantes cadastrados na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano é legal porque vem justamente do fundo financeiro do programa Empreender Cajazeiras, que é destinado a empreendedores informais. Portanto, segundo o prefeito, esse fundo não pode ser utilizado para as outras categorias.

“Vetamos. Foi encaminhado para a Justiça. Vamos aguardar. Se a Justiça determinar que se pague, a gente não discute. Decisão de Justiça não se discute, cumpre-se”, disse o prefeito.

José Aldemir explica ainda que, assim como o auxílio emergencial para os ambulantes, o auxílio para os artistas também está regularizado porque a verba vem do Fundo Municipal de Incentivo à Cultura (Fuminc).

DIÁRIO DO SERTÃO

OBSTRUÍDAS

VÍDEO: Comandante da PM dá detalhes do protesto que parou a pavimentação da estrada de Boqueirão

AÇÕES DE MORO

VÍDEO: Advogado lista equívocos e ilegalidades no processo da Lava Jato que prendeu Lula

ESTRATÉGIAS

VÍDEO: Jornalista acredita que Carlos Antônio pode indicar vice de Marquinhos fazendo acordo para 2022

PERÍODO ELEITORAL

VÍDEO: advogado cajazeirense diz que divulgar ou compartilhar Fake News gera prisão e multa

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!