header top bar

section content

VÍDEO: Missionária da comunidade Boa Nova comemora três anos da casa de acolhimento em Cajazeiras

Há três anos a comunidade Boa Nova faz o trabalho missionário de acolhimento de dependentes químicos, nas cidade de Cajazeiras e São José de Piranhas.

Por Juliana Santos

27/11/2020 às 19h08

A missionária Ediene Cássia, que faz parte da comunidade Boa Nova participou do programa Balanço Diário da TV Diário do Sertão, desta sexta-feira (27) e falou um pouco do trabalho com os dependentes químicos, nas cidades de Cajazeiras e São José de Piranhas, no Sertão paraibano.

A Boa Nova é uma comunidade católica que realiza eventos com oração e pregação, para casais, jovens e famílias. Mas o principal serviço prestado a sociedade é o acolhimento a dependentes químicos e alcoólatras para a recuperação. “Há três anos estamos fazendo esse trabalho missionário nessas duas cidades. Estamos aqui como uma ponte, um aconchego, um lugar de esperança para quem está na luta ou para quem está lutando por uma pessoa, para que ela se reencontre”, comentou a missionária.

O trabalho da Boa Nova teve inicio na cidade de Cajazeiras com a pastoral Anjos da Noite, que dá apoio a pessoas que moram nas ruas e muito deles são dependentes químicos. A pastoral foi em busca de apoio dos padres da região para conseguir um lugar para fazer o acolhimento dessas pessoas. “O Padre Damião Nunes então sugeriu trazer a comunidade Boa Nova para Cajazeiras, já que estamos a cinco anos fazendo esse trabalho em várias cidades”, comentou.

VEJA TAMBÉM

Alunos fazem ‘vaquinha online’ para construir casa do funcionário de um faculdade em João Pessoa

Vários párocos se reuniram junto as pastorais e conseguiram o canteiro de obras da antiga empresa Queiroz Galvão, para abrir a casa de acolhimento. “Hamilton Apolônio o fundador da comunidade Boa Nova esteve aqui na região, conheceu o canteiro e topou o desafio. Vamos reformar, vamos abrir e oferecer mais um local de acolhimento quem tem essa grande demanda local”, disse Ediane.

A comunidade Boa Nova tem 14 casas de Acolhimento e  Casas de Missão espalhadas no Nordeste brasileiro e na África.

DIÁRIO DO SERTÃO

SAIU ATRÁS

VÍDEO: Sousa perde para o Campinense na primeira partida da final do Paraibano e agora decide em casa

SOLTOU O VERBO

VÍDEO: Vereador faz denúncias contra prefeito de Piancó, diz que gestor mora em João Pessoa e a mãe governa o município

ABSURDO

VÍDEO: Empresário custeia de seu próprio bolso acesso à passagem molhada, na zona rural de Ipaumirim

NO CEARÁ

VÍDEO: Cuidadora de idosos de Ipaumirim fala de experiência e diz que já foi xingada por ajudar anciãos

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!