header top bar

section content

Mãe do presidente da Câmara de Vereadores de Patos não resiste e morre em decorrência de um câncer

Natural do município de Vista Serrana, na região metropolitana de Patos, Rita Gomes era viúva do senhor Antônio Paulino de Araújo e deixa 5 filhos, 14 netos e 6 bisnetos

Por José Dias Neto

29/01/2022 às 09h53

Rita Gomes. Foto: Reprodução / Arquivo pessoal

Faleceu na madrugada deste sábado (29), em sua residência, localizada no bairro Belo Horizonte, município de Patos no sertão paraibano, Rita Gomes de Araújo aos 81 anos de idade, em decorrência de um câncer. Dona Rita, como era mais conhecida, era mãe do vereador e presidente da Câmara Municipal de Patos, Tide Eduardo.

Natural do município de Vista Serrana, na região metropolitana de Patos, Rita Gomes era viúva do senhor Antônio Paulino de Araújo e deixa 5 filhos, 14 netos e 6 bisnetos.

Em nota, o vereador Tite Eduardo agradeceu a solidariedade de todos neste momento de dor.

VEJA MAIS: 

Após uma incansável batalha contra o câncer pastora e cantora gospel Ludmila Ferber morre aos 56 anos

“Uma grande mulher que dedicou toda sua vida a família. Ao lado do marido, trabalhou como uma guerreira para manter o sustento dos filhos, sempre com amor, afeto e uma palavra de conforto e de incentivo. Não somente pra nós da família, mas pra todos que lhe procuravam nos momentos difíceis. ”, agradeceu.

VELÓRIO E SEPULTAMENTO

O velório de Rita Gomes de Araújo acontecerá na cidade de Vista Serrana e às 16h deste sábado (29) ocorrerá o sepultamento.

DIÁRIO DO SERTÃO

PARABÉNS

VÍDEO: Reitor da UFCG, Antônio Fernandes é o melhor educador em 2021, aponta pesquisa Os Melhores do Ano

PARABÉNS

VÍDEO: Pesquisa Os Melhores do Ano aponta o Cartório Antônio Holanda como o melhor de Cajazeiras em 2021

PARABÉNS

VÍDEO: Madeireira Piranhense é eleita como a melhor de Cajazeiras conforme pesquisa Os Melhores do Ano

PARABÉNS

VÍDEO: Chefe do Procon de Cajazeiras é eleito destaque do setor público pela pesquisa Os Melhores do Ano

Recomendado pelo Google: