header top bar

section content

VÍDEO: Mesmo estando no PL, partido de Bolsonaro, prefeito de Aparecida confirma apoio a João Azevêdo

Em entrevista ao programa Olho Vivo, da Rede Diário do Sertão, João Neto revelou quais candidatos ele vai apoiar para Câmara, Senado e Assembleia Legislativa

Por Jocivan Pinheiro

29/03/2022 às 16h58 • atualizado em 29/03/2022 às 17h04

Em entrevista ao programa Olho Vivo da Rede Diário do Sertão, o prefeito de Aparecida, João Neto (PL), revelou quais candidatos ele vai apoiar nas eleições de 2022. Entre as escolhas, algumas surpreendem, pois batem de frente com a tendência do próprio partido na Paraíba, sobretudo após o presidente da República Jair Bolsonaro se filiar ao PL.

Para deputado e deputada estadual, o prefeito continuará apoiando Lindolfo Pires (Podemos) e Cida Ramos (PT), que já eram aliados dele antes das mudanças de legendas.

Para deputado federal, o prefeito apoia Wellington Roberto (PL). Para senador, o voto dele vai para Bruno Roberto (PL), filho de Wellington.

Está com João Azevêdo na Paraíba

Mesmo apoiando Wellington e Bruno Roberto, que são aliados do presidente Jair Bolsonaro, João Neto estará no palanque do governador João Azevêdo (PSB), que é candidato à reeleição e adversário de Bolsonaro. O prefeito justifica que o governador está cumprindo a promessa de executar obras na cidade.

“Não escondi nem escondo de ninguém meu apoio ao governador João Azevêdo. Continuarei com João Azevêdo porque acredito na política dele, que tem chegado na cidade de Aparecida”.

Está com Lula no Brasil

Outro pré-candidato apoiado por João Neto e que conflita com a base do PL na Paraíba, é o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Mas o prefeito explica que já vota em Lula há muitos anos por causa da sua origem de militância social.

“Todo mundo sabe que eu tenho uma origem. Eu não nasci em berço de ouro nem nasci tão desamparado de tudo, mas nasci de uma luta social onde a gente tem trabalho, tem conquistas, tem vida, e é essa vida que direciona a gente a estar apoiando o presidente Lula”.

Indagado a respeito de fazer parte do mesmo partido de Bolsonaro, João Neto disse que está no PL há muito tempo e que foi o presidente quem ‘veio’ por último.

“A gente tinha uma aliança que já vinha anteriormente. Eu acho que Bolsonaro veio para o PL, não foi o PL que foi para Bolsonaro. O presidente fazia parte de um partido quando foi eleito e depois veio para o meu partido. Mas a gente não pode fugir das origens que a gente tem”.

Entrevista na íntegra

DIÁRIO DO SERTÃO

ALERTA

VÍDEO: Cardiologista paraibano faz alerta a pacientes que usam Losartana após interdição de medicamento

LUTA ANTIGA

VÍDEO: Produtores debatem sobre o Parque de Exposição de Cajazeiras e irão entregar protocolo ao Estado

EVENTO NA CAPITAL

VÍDEO: PSB anuncia Heron Cid como pré-candidato a federal, e governador cita ‘espírito de nova política’

IMUNIZAÇÃO

VÍDEO: Médico Sanitarista diz que vacina da gripe pode ser aplicada junto com a da covid-19

Recomendado pelo Google: