header top bar

section content

Seca causa choro e sofrimento a famílias de Cajazeiras e agricultores veem transposição como ‘salvação’

a Câmara de Vereadores de Cajazeiras realizará sessão extraordinária com o tema : “As águas do Rio São Francisco em Cajazeiras. O que fazer?”.

Por Luzia de Sousa

29/07/2017 às 18h58

Ribeirinhos do Rio Piranhas aguardam conclusão das obras do Rio São Francisco para terem segurança hídrica em Cajazeiras. Com 18,5 kms de extensão na Terra do Padre Rolim, o rio sendo perenizado beneficiará nove comunidades rurais do município.

+ Ribeirinhos contam drama e dizem que Cajazeiras não está preocupada com o sofrimento das comunidades

O agricultor João Benetido (Jueira) disse que a situação que essas comunidades vivem é precária. “Mesmo produzindo pouco, ainda é muita coragem”, disse o agricultor.

Sem água no rio, os agricultores recorrem a perfurações de poços artesianos para garantir um plantio de pequena escala.

Juliano Dias falou de dificuldades no Sertão do estado, de família de nove irmãos, ele contou que foi o único que ficou na propriedade rural devido a seca. “Meus irmãos foram embora”.

Manualdo Lins (Manu) se emocionou ao falar de uma campanha realizada para construir ponte no rio e facilitar a vida da comunidade. “Fico até emocionado só de falar”.

Nesse domingo (30), a Câmara de Vereadores de Cajazeiras realizará sessão extraordinária com o tema : “As águas do Rio São Francisco em Cajazeiras. O que fazer?”.

A reunião ocorrerá às 9h na Capela da comunidade de Cajazeiras Velha, Zona Rural do município.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

VISTANDO SUA TERRA NATAL

Heron Cid defende centro universitário em Marizópolis e ponto de intersecção entre Sousa e Cajazeiras

BOA NOTÍCIA

Hospital Universitário de Cajazeiras passa a oferecer novos serviços para a população do Alto Sertão

REVOLTA

VÍDEO: ‘Só quem odeia Lula o quer preso, como se ele fosse um bandido perigoso’, diz jornalista

VÍDEO

“Sou liderança forte, mas estou abandonado”, declarou Gobira ao vivo sobre grupo de Carlos Antonio