header top bar

section content

VÍDEO: Advogada explica o que fazer quando o auxílio emergencial é indeferido injustamente

Ela afirma que, geralmente, o motivo dos indeferimentos é a suposta identificação de vínculo empregatício do cidadão com órgão público ou empresa

Por Jocivan Pinheiro

30/06/2020 às 15h37 • atualizado em 30/06/2020 às 15h44

Na coluna Direto ao Ponto desta semana, a advogada Juliane Lucena orienta o cidadão acerca do que fazer quando o auxílio emergencial do Governo Federal for indeferido injustamente.

Segundo a advogada, a maioria dos indeferimentos ocorre por motivo injusto. Nesse caso, o interessado deve procurar orientação jurídica.

VEJA TAMBÉM: Bolsonaro antecipa quais os possíveis valores das próximas parcelas do auxílio emergencial

Juliane revela que, geralmente, o motivo dos indeferimentos é suposta identificação de vínculo empregatício com órgão público ou empresa. Nesse caso, ele deve solicitar uma declaração afirmando que não há mais o suposto vínculo.

DIÁRIO DO SERTÃO

REMÉDIO POLÊMICO

VÍDEO: Cajazeiras registra mais um óbito por Covid-19 e prefeitura disponibiliza Ivermectina a pacientes

NOVAS MEDIDAS

VÍDEO: Prefeito explica decisão de decretar lockdown e toque de recolher na cidade de Conceição

DURANTE PANDEMIA

VÍDEO: Promotor fala como o Ministério Público pode evitar ou punir crime eleitoral em eleição atípica

'ERRO HISTÓRICO'

VÍDEO: Povo desrespeita isolamento porque Brasil não investe em educação, diz empresário de Cajazeiras

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!