header top bar

section content

VÍDEO: Projeto incentiva aos alunos o interesse pelo jornalismo no Polivalente, em Cajazeiras

De acordo com a professora, o projeto da escola tem o objetivo de informar, transmitir as notícias no âmbito escolar.

Por Raquel Alexandre

11/06/2019 às 10h49 • atualizado em 11/06/2019 às 10h54

O Projeto Voz da Escola: “A notícia na ponta da língua”, encabeçado pela professora Josélia Maciel (professora de Lingua Portuguesa) trabalha com alunos dos 1º, 2º e 3º ano do ensino médio da Escola Cidadã Integral Técnica Cristiano Cartaxo, o Polivalente.

A professora Josélia Maciel e seus alunos participaram do programa ‘Balanço Diário’ para divulgar o projeto.

De acordo com a professora, o projeto da escola tem o objetivo de informar, transmitir as notícias no âmbito escolar. “O projeto da rádio na escola foi feito por mim e por alguns alunos, e a disciplina diversificada da escola nos deu incentivo para a realização desse projeto”, destacou.

Professora deu entrevista ao ‘Balanço Diário’

O aluno Francisco de Assis disse que este projeto foi muito importante, pois melhorou muito a sua maneira de falar, tirou sua timidez. “O principal objetivo é fazer com que os alunos de comuniquem na escola”, afirmou.

Alunos e professora participaram do programa ‘Balanço Diário’

Também participam do projeto, os estagiários do PIBID da UFCG. Na próxima segunda-feira (17), será a culminância dos projetos da escola com a apresentação do resultado dos trabalhos. A professora revelou que existe o desejo de criar a rádio e o jornal escolar.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

PROTESTO

VÍDEO: populares vão às ruas para protestar contra a reforma da Previdência na cidade de Patos

VEJA VÍDEO

Padre de Cajazeiras revela curiosidades sobre o santo casamenteiro: “Faz milagre a pessoa encalhada”

SAÚDE

Dieta milagrosa? Médico diz que a compulsão e afetividade pela comida são perigosas para o emagrecimento

VÍDEO

Mototaxista reclama de multa cobrada na Zona Azul da cidade de Cajazeiras; “Está errado”