header top bar

section content

VÍDEO: Psicólogo comenta ataque de fúria de Will Smith e fala sobre perigo da libertinagem na internet

O profissional falou que a liberdade de expressão se torna ofensiva a partir do momento que o indivíduo passa a denegrir a imagem do outro, fazendo com que a outra pessoa não se sinta bem e tenha um sofrimento psíquico

Por Luiz Adriano

31/03/2022 às 08h40 • atualizado em 31/03/2022 às 09h04

Questionado pelo apresentador Fernando Antonio durante o programa Balanço Diário da última terça-feira (29) sobre o ataque de fúria de Will Smith durante o evento de premiação do Oscar, o psicólogo cajazeirense Damião Júnior discorreu sobre a virtualização da vida e explicou o que acontece nas redes sociais que acaba afetando a mente das pessoas.

Ele disse que o grande problema é a “liberdade de expressão”. O profissional explicou que “precisamos analisar até que ponto a liberdade se transforma em libertinagem”.

VEJA TAMBÉM

Edson Fachin diz que vai levar caso de manifestações políticas no Lollapalooza ao plenário do TSE

Will Smith e sua esposa Jada Pinkett . (Foto: divulgação).

Damião falou que a liberdade de expressão se torna ofensiva a partir do momento que o indivíduo passa a denegrir a imagem do outro, fazendo com que a outra pessoa não se sinta bem e tenha um sofrimento psíquico.

“A liberdade de expressão não acaba com a sociedade, ela constrói a sociedade”, disse o psicólogo ressaltando que deve haver respeito em meio à publicações na internet. Ele chamou a forma como algumas pessoas se utilizam das redes sociais como “pseudoliberdade”.

“Até que ponto é liberdade de expressão e até que ponto é libertinagem? A liberdade de expressão ela se torna algo perigoso a partir do momento que começo a denegrir a imagem do outro”, pontuou.

“Um estudo de uma universidade de Vancouver nos EUA diz que hoje as pessoas não têm mais empatia, elas preferem a violência, não têm o comprometimento com a mudança social, estão acomodadas na questão de busca de conhecimento”, relatou o psicólogo.

ATAQUE DE FÚRIA NO OSCAR

O ator americano Will Smith deu um tapa na cara do comediante Chris Rock durante a cerimônia do Oscar 2022, que aconteceu na noite do último domingo (27), no Teatro Dolby, em Los Angeles, nos Estados Unidos.

O que teria motivado a ação do ator teria sido devido a uma piada de mau gosto que o comediante falou com Jada Smith, esposa de Will.

Chris Rock brincou sobre a cabeça raspada de Jade, a qual é portadora de uma doença que tem o nome de alopecia. Trata-se de uma enfermidade que tem cunho emocional e gera a queda do cabelo. O comediante teria comparado Jade com Demi Moore em “Até o Limite da Honra”, um filme do ano de 1997, onde a atriz teve que raspar o cabelo para interpretar a tenente Jordan O’Neil.

Veja abaixo o programa Balanço Diário completo da última terça-feira (29):

SHOW DIÁRIO

VIOLÊNCIA

VÍDEO: Adolescente de 17 anos é morto a tiros no quintal de sua residência, na região de Catolé do Rocha

TERRÍVEL

VÍDEO: Após bebedeira na zona rural de Princesa Isabel, homem mata seu próprio irmão a golpes de faca

FEROZ

VÍDEO: No sertão da PB, jumento sofre ataque violento de pitbull enquanto pessoas tentam conter o cão

DESMENTINDO

VÍDEO: Grupo do prefeito de Pedra Branca nega adesão a Veneziano e permanece apoiando João Azevêdo

Recomendado pelo Google: