header top bar

section content

Luta contra o rebaixamento: Bahia, Vasco e Botafogo respiram; veja projeção

Matemático Tristão Garcia faz as contas para os times que brigam para não cair no Brasileirão

Por GE

05/11/2018 às 08h40

Projeções dos times (Foto: Infoesporte)

Na luta contra o rebaixamento, Bahia, Vasco e Botafogo foram os grandes vencedores da 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com as vitórias sobre Chapecoense, Fluminense e Corinthians, respectivamente, o trio viu diminuir o risco de queda, na projeção feita pelo matemático Tristão Garcia, do site Infobola.

O risco do Bahia caiu para 3% (era de 7% na semana passada), o do Vasco agora é de apenas 15% (ante 41% há sete dias) e o do Botafogo é de 16% (era 30%). A projeção feita por Tristão Garcia envolve o retrospecto dos times dentro e fora de casa. Como o Vasco conseguiu sua primeira vitória fora de São Januário, o ganho na projeção foi maior.

O Sport, penúltimo colocado, fecha a 32ª rodada nesta segunda-feira diante do Ceará, que ainda tem 13% de risco de queda. O jogo será no Recife, às 20h de Brasília.

(Fonte: Site Infobola)

Se o Sport vencer, o Paraná será rebaixado. Com 18 pontos apenas, e mais 18 em jogo (faltam seis rodadas), o time paranaense chegaria a no máximo 36 pontos, mesmo número que o time pernambucano atingirá se vencer o Ceará nesta segunda, mas ficaria com uma vitória a menos.

Fonte: GE - https://globoesporte.globo.com/sp/futebol/brasileirao-serie-a/noticia/luta-contra-o-rebaixamento-bahia-vasco-e-botafogo-respiram-veja-projecao.ghtml

Recomendado para você pelo google

NESTE DIA 21

VÍDEO: 7ª Conferência Municipal de Saúde discute com o povo avanços e necessidades do SUS em Cajazeiras

FÉ NO SANTO

VÍDEO: No dia de São José, católicos agradecem pelas chuvas na região de Cajazeiras; previsão é otimista

DIAS 30 E 31 DE MARÇO

VÍDEO: Comédia “Escolinha Profana”, dos criadores do “Pastoril Profano”, se apresentará em Cajazeiras

ÚLTIMOS PROCEDIMENTOS

VÍDEO: Cemitério da Zona Norte de Cajazeiras deverá ser construído ainda neste ano, afirma secretária