header top bar

section content

Jornalistas declaram o fim da era de 12 times brigando pelo título da Série A: “Consolidação inédita”

Carlos Eduardo Mansur diz que o motivo para os últimos títulos concentrarem em poucos clubes está na falta de mobilização, e critica Vasco: "É um exemplo de 'desgoverno' e 'desgestão'"

Por Sportv

20/11/2018 às 08h31 • atualizado em 20/11/2018 às 08h32

Comentaristas analisam nova "elite" do futebol brasileiro

Mesmo com o empate diante do lanterna Paraná, o Palmeiras continua no topo da tabela do Campeonato Brasileiro e está cada vez mais perto do título. Este fato só confirma a baixa rotatividade dos campeões das últimas edições desta competição.

Jornalistas da bancada do Redação SporTV, desta segunda-feira, concordaram que, em termos de capacidade de brigar pelo primeiro lugar, já não existem 12 grande clubes na Série A.

O convidado do programa, José Godoy, abriu a discussão afirmando a existência de uma consolidação inédita.

– Falta mais um campeonato para fechar a década, mas já estamos em um processo de consolidação de que acabaram os 12 grandes em termos de capacidade de título. E uma concentração imensa em poucos clubes. Na primeira metade da década, Cruzeiro, Fluminense e Corinthians brigando, e nesta segunda está vindo agora com quatro títulos seguidos entre Corinthians e Palmeiras. É uma consolidação inédita na história do futebol brasileiro.

Carlos Cereto, que nesta segunda-feira substituiu Marcelo Barreto na apresentação, acredita que esta diminuição de clubes grandes brigando pelo título brasileiro passa pela crise financeira e também pela incopetência da administração dos clubes. Falando nos cariocas, ele citou como exemplo Vasco, Fluminense e Botafogo.

O jornalista Carlos Eduardo Mansur concordou com Cereto e ainda acrescentou outro motivo: a dificuldade dos clubes em gerar receita nova.

– Em um período razoavelmente considerável de temporadas, temos alguns clubes brasileiros grandes que nitidamente iniciam a temporada com a certeza de que não dá pra competir lá no topo (…) Botafogo e Fluminense passam por uma grande dificuldade de gerar receita nova, porque a receita nova privilegia clubes que têm capacidade de mobilização de gente. O Vasco, por exemplo, é um clube que tem uma mobilização grande. Por isso, o é um exemplo de ‘desgoverno’ e ‘desgestão’ monstruoso. Tem torcida grande e capacidade de mobilização de gente – sempre que foi necessário ele saiu de São Januário e abriu o Maracanã -, mas com uma dificuldade gigantesca de se gerir como clube.

Fonte: Sportv - https://sportv.globo.com/site/programas/redacao-sportv/noticia/jornalistas-declaram-o-fim-da-era-de-12-times-brigando-pelo-titulo-da-serie-a-consolidacao-inedita.ghtml

VÍDEO

Músico dá show no Acústico Diário e anuncia novo CD de trabalho; ele contou sobre o início da carreira

57 ANOS

VÍDEO: Prefeito prepara obras para serem entregues no dia da cidade em Santa Helena e convida população

MAIS UMA ESPECIALIDADE

VÍDEO: Clínica de Cajazeiras conta agora com médico especialista em doenças do intestino, reto e ânus

EPISÓDIO 14

VÍDEO: Coisas de Cajazeiras mostra trajetória do ex-prefeito Chico Rolim e fala de segurança no trabalho