header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Mãe mata filha com crucifixo por achar que ela ‘estava possuída’

Mãe mata filha com crucifixo por achar que ela 'estava possuída'

Por Luzia de Sousa

31/08/2016 às 07h18

Juanita achava que sua filha estava possuída por forças malignas

Uma americana acusada de matar sua própria filha usando um crucifixo foi presa no último sábado, em Oklahoma City, nos Estados Unidos. Juanita Gomez, de 49 anos, teria tirado a vida de Geneva, de 33, na casa da família por achar que ela estava possuída por forças malignas.

De acordo com o site de notícias local “News Ok”, a mulher forçou o pingente e um medalhão religioso contra a garganta da filha até que ela sangrasse. Geneva foi encontrada pela polícia deitada no chão da casa com os braços abertos e com o crucifixo sobre o peito. Juanita também teria limpado o corpo da vítima.

Mãe e filha trabalhavam juntas e ainda segundo o jornal, eram muito próximas. Juanita foi presa e responderá pelo homicídio.

O Dia

Tags:
ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Diversidade em Foco com professor de Português destaca as variações da nossa língua

HERANÇA ARTÍSTICA

VÍDEO: Filho de grande nome da música brasileira agita a Festa do Brega no Cajazeiras Tênis Clube

EM JOÃO PESSOA

VÍDEO E FOTOS: Posse da nova diretoria da API é marcada por repentes, lançamento de livro e emoção

DUPLA CERIMÔNIA

VÍDEO: OAB lança em Cajazeiras as chapas para as eleições da Seccional Paraíba e da Subseção local