header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Estudante paraibana prevê sua própria morte e avisa a amigos pelo WhatsApp

O acidente aconteceu por volta das 0h30 no prolongamento da Avenida Prudente de Morais.

Por

13/03/2015 às 07h43

A estudante de Direito Najla Charara, de 21 anos, que morreu após bater o carro em um poste na madrugada desta quinta-feira (12), em Natal, conversava com amigos em um grupo do WhatsApp – pouco antes do acidente – sobre morrer “beba”. Às 23h25 ela escreveu: “Lipeeee. Pode morrer beba? kkkk” (sic).

Najla é da cidade de Campina Grande (PB). Outra pessoa que também participa do grupo respondeu: “Morra não amiga! Tem que aproveitar um pouquinho mais” (sic).

O acidente aconteceu por volta das 0h30 no prolongamento da Avenida Prudente de Morais. De acordo com a Polícia Militar, Najla estava bebendo em um bar com amigas e, na volta para casa, perdeu o controle do carro e colidiu contra um poste.

Uma amiga da estudante, de 20 anos, também estava no veículo e foi levada ao Pronto-Socorro Clóvis Sarinho com fraturas. De acordo com a assessoria do hospital, ela está em observação no setor de politraumas e não corre risco de morte.

O Corpo de Bombeiros precisou cortar o teto do carro para retirar as vítimas. A Polícia Militar informou que foi encontrada uma garrafa de vinho dentro do veículo.
A Polícia Civil pediu ao Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) exame toxicológico e de dosagem alcoólica no corpo de Najla.

Do G1

Tags:
BLACK FIADO

VÍDEO: Conheça a versão mais popular da Black Friday que agita o comércio de Cajazeiras durante 30 dias

DESTAQUES DA SEMANA

VÍDEO: Repercussão da entrevista de José Aldemir encabeça as polêmicas do Direto ao Ponto desta terça

PROGRAMA DE MÚSICA

VÍDEO: Confira as novidades que vêm aí na nova temporada do Acústico Diário com cantor cajazeirense

VÍDEO

Secretário responde a sindicato e diz que acusações contra prefeito de Cajazeiras podem parar na Justiça