header top bar

section content

Senador José Maranhão vai a Michel Temer pedir a liberação de recursos para a Transposição

O senador afirma que o orçamento geral da União já tem a dotação necessária para atender a essa demanda adicional de recursos.

Por Luzia de Sousa

23/06/2016 às 07h08 • atualizado em 23/06/2016 às 07h09

Presidente Temer e senador José Maranhão

O senador José Maranhão (PMDB/PB) esteve nesta tarde no Planalto em audiência com o presidente interino, Michel Temer, a quem manifestou profunda preocupação com a crise de abastecimento de água na Paraíba, especialmente em Campina Grande, Cariri, Sertão e Curimatau.

O senador destacou que essas regiões estão encravadas em um terreno cristalino, sem água no subsolo. Sugeriu como solução acelerar o processo de construção dos canais e elevatórias da Transposição do São Francisco. José Maranhão lembrou ao presidente Temer que o ministro da Integração, Helder Barbalho, admite a possibilidade da conclusão das obras do Eixo Leste, se o Governo Federal liberar 50 milhões de Reais mensais adicionais aos recursos atualmente disponíveis.

O senador afirma que o orçamento geral da União já tem a dotação necessária para atender a essa demanda adicional de recursos. E lembra que, segundo o ministro, a alternativa seria o transporte de água por caminhões-pipa. Mas Maranhão questiona: “Que água?” ao ressaltar que os açudes do Boqueirão e Coremas/Mãe D’Água estão no nível morto e pode-se chegar a um colapso no abastecimento se as chuvas não voltarem neste inverno.

O senador Maranhão informou que Temer reconheceu a magnitude do problema e se comprometeu a buscar uma solução para garantir esses recursos e enfrentar a situação.

Secom

Recomendado para você pelo google

RELAÇÃO COM EMPRESÁRIOS

VÍDEO: Prefeito de Cajazeiras não descarta fazer uma reforma tributária e manda recado para ‘algozes’

SERVIÇO MILITAR

VÍDEO: Quase 100 novos atiradores são incorporados ao Tiro de Guerra de Cajazeiras durante solenidade

TRIMESTRE CHUVOSO

VÍDEO: Açude Grande de Cajazeiras sangra pela primeira vez em 2019 e traz esperança para a população

ELITISMO?

VÍDEO: Escolas federais têm segurança, mas as outras são ‘destratadas’, afirma diretor em Cajazeiras