header top bar

section content

Operação Carnaval: Bombeiros não registram afogamentos no litoral

Conforme o balanço, em 2016 foram quatro óbitos por afogamento em praias e nenhum registrado no feriadão deste ano.

Por Priscila Belmont

02/03/2017 às 10h32

Bombeiros da Paraíba (Foto: ilustrativa)

As ações preventivas do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba (CBMPB), durante o feriadão de Carnaval, a partir do sábado (25) até às 18h30 da quarta-feira de cinzas (1º), resultaram na redução de 100% do número de afogamentos com óbitos registrados no litoral em relação ao mesmo período de 2016. Conforme o balanço, em 2016 foram quatro óbitos por afogamento em praias e nenhum registrado no feriadão deste ano.

Já os atendimentos preventivos – que incluem a distribuição de pulseiras de identificação e folderes, informações e advertências ao público, fiscalizações, pontos bases – aumentaram em 36%, com 9.439 ações desenvolvidas nesta edição da operação, contra 6.922 realizadas no ano passado.

No geral, o balanço registrou 9.925 intervenções do Corpo de Bombeiros no período, sendo 172 atendimentos pré-hospitalares, 40 socorros em acidentes automobilísticos, 22 combates a incêndios, oito salvamentos, 72 outras ocorrências não classificadas, além da prevenção já mencionada e do serviço desenvolvido em áreas de mananciais (sobretudo as praias) – com 194 ações.

Desse trabalho feito visando à prevenção aquática, os bombeiros atenderam 36 casos de primeiros socorros, realizou a guarda de 24 crianças que se perderam dos pais, 14 resgates aquáticos (salvando vidas que estavam em situação de iminente afogamento) e duas buscas a cadáveres. A operação contabilizou ainda seis casos de afogamentos sem óbito e um com óbito fora do litoral. A ocorrência foi registrada em uma barragem, próxima à cidade de Guarabira. Outras 111 intervenções na parte aquática não foram categorizadas.

“O planejado para a operação foi cumprido à risca, tanto as ações preventivas quanto pontuais. As respostas às ocorrências prevaleceram, fazendo com que reduzíssemos os afogamentos”, avaliou o comandante geral da corporação, coronel Jair Carneiro de Barros.

Segundo ele, o envolvimento de todas as guarnições de bombeiros, do Litoral ao Sertão, garantiram o sucesso das ações – incluindo um trabalho preventivo específico em diversos eventos religiosos que aconteceram em Campina Grande. “Agradeço o empenho de cada bombeiro durante os serviços de Carnaval”, comemorou. A Operação empregou mais de 500 militares extras, por dia, em todo o Estado.

Secom

OS CIRENEUS DO CAMINHO

VÍDEO: Programa Mensagem de Esperança reflete sobre imunização espiritual e como lidar com adversários

'MENSAGEM DE FÉ'

VÍDEO: Padre apresenta programa especial na TV sobre a tradicional Festa de Dom Bosco em Cajazeiras

'OPINIÃO DO CIDADÃO'

VÍDEO: Em Cajazeiras, presidente da OAB-PB diz ser contra posse de arma: “Índices de mortes aumentam”

PROPRIEDADES EMBARGADAS

VÍDEO: Impedidos de plantar, agricultores de Cajazeiras acusam IBAMA de excessos na aplicação de multas