header top bar

section content

Mulher é assassinada a tiros no Sertão e ex-esposo é apontado como suspeito por não aceitar fim de casamento

O crime ocorreu, por trás da Capelinha São Francisco, na Travessa Ageu de Castro, na cidade de Malta, região do Alto Sertão paraibano.

Por Luzia de Sousa

03/07/2017 às 12h25

Mulher morreu no local (foto: Arquivo pessoal)

Patrícia da Silva Assis Ferreira, de 38 anos, auxiliar de serviços gerais foi assassinada e o suspeito seria o ex-esposo, um homem de 38 anos de idade. O crime ocorreu por trás da Capelinha São Francisco, na Travessa Ageu de Castro, na cidade de Malta, região do Alto Sertão paraibano.

De acordo com informações da polícia militar, o casal estava separado há cerca de 3 meses, mas o acusado não aceitava o fim do relacionamento, fato esse que teria motivado o crime. A mulher foi atingida por cinco disparos de revólver calibre 38. A mulher não resistiu e veio a óbito ainda no local.

A polícia fez diversas diligências, mas até durante a madrugada, o acusado não havia sido preso. O corpo da vítima foi levado para o IML, para depois ser liberado para a família fazer o velório e, posteriormente, o sepultamento.

Patrícia, que residia em João Pessoa, estava em Malta há apenas três dias para comemorar o São João com familiares e amigos.

Do Portal Vale do Piancó Notícias

Recomendado para você pelo google

POSSÍVEL CANDIDATO

VÍDEO: Ex-prefeito de Cachoeira dos Índios revela quais os ‘vices dos sonhos’ para sua chapa em 2020

AVENIDA LOTADA

VÍDEO: Show de comunidade católica famosa em todo o Brasil reúne multidão em São José de Piranhas

PREFEITO DE MONTE HOREBE

VÍDEO: Marcos Eron admite querer a reeleição, nega distanciamento da vice e manda recado para oposição

FENÔMENO

VÍDEO: Menino cajazeirense impressiona com habilidade no teclado e por ter fabricado instrumento