header top bar

section content

PRF registra mais de 1.000 veículos com excesso de velocidade nas rodovias da Paraíba

Na Paraíba, nas primeiras 48 horas da Operação, a PRF registrou oito acidentes com sete pessoas feridas nas rodovias federais que cortam o Estado.

Por Luzia de Sousa

03/11/2017 às 14h28 • atualizado em 03/11/2017 às 16h57

Operação da P)RF no Estado da Paraíba

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), iniciou a meia noite de quarta-feira (1), em todo País, a Operação Finados 2017, que segue até às 23h59 do domingo (5). Na Paraíba, nas primeiras 48 horas da Operação, a PRF registrou oito acidentes com sete pessoas feridas nas rodovias federais que cortam o Estado.

A PRF também fiscalizou 403 veículos, 246 motoristas foram submetidos ao teste de alcoolemia, destes, sete foram reprovados e dois conduzidos para Delegacia de Polícia. Dois veículos com queixa de roubo/furto foram recuperados e 1.017 veículos foram detectados transitando com a velocidade acima da máxima permitida para o local.

Em um dos pontos que foi colocado o aparelho de radar, no trecho entre Mamanguape e João Pessoa, onde inclusive, nos ultimos dias registrou-se duas ocorrências de acidentes com vítimas fatais, ocorrências provocadas por excesso de velocidade, em apenas 3 horas de fiscalização, o equipamento registrou 707 veículos com excesso de velocidade e o que mais chamou antenção foi um caminhão que faz transporte de combustível (carga perigosa), transitando a 133 quilômetros por hora. Outros dois veículos: Audi Q5, detectado com 177 e um Ford Ka com 169 quilômetros por hora.

A velocidade máxima regulamentada para aquele trecho é de 100 km/h para automóveis, camionetas e motocicletas; 90km/h para ônibus e micro-ônibus e 80 km/h para caminhões e demais veículos.

A Operação Finados tem o objetivo principal de reduzir os indicies de acidente e criminalidade nas rodovias federais brasileiras, para isso a PRF está promovendo ações preventivas e de fiscalização, priorizando o excesso de velocidade, embriaguez ao volante, ultrapassagem proibida e manobras indevidas geradas por condutores de motocicletas e ciclomotores.

A PRF dispõe do telefone nº 191 para informações, comunicação de acidentes e denúncias. A ligação é gratuita e atende 24 horas em todo País.

Assessoria

Tags:

Recomendado para você pelo google

TRAGÉDIA

VÍDEO: Comandante da PM lamenta morte de vereador e diz que assassinos são conhecidos no crime

VÍDEO

Padre convoca população para manifesto pelo Parque de Exposições na visita do governador a Cajazeiras

VÍDEO

Jornalista ‘aposta’ em união de João Azevêdo e Cartaxo para derrotar Ricardo Coutinho em JP

VÍDEO

Capitão da PM conta que vítima de tiros em Cajazeiras fez revelação sobre crime antes de morrer