header top bar

section content

Sindicato emite nota de pesar e lamenta morte de professora da Região de Cajazeiras em acidente em Sousa

Em nota, o presidente do Sindicato, Reginaldo Tavares, se solidariza com as famílias  e colegas. “Nós professores sentimos muito"

Por Luzia de Sousa

15/08/2018 às 07h34 • atualizado em 15/08/2018 às 08h01

Professora foi uma das vítimas do acidente em Sousa

O Sindicato dos Funcionários Municipais de Poço de José de Moura, Sertão da Paraíba divulgou nesta quarta-feira (14), nota de pesar pela morte da professora Ana Maria Estrela, vítima fatal de grave acidente na noite dessa terça-feira (14), na BR-230, em Sousa.

Veja também:
LAMENTÁVEL: morre mais uma vítima do grave acidente na BR 230 em Sousa

VÍDEO: Identificadas vítimas do grave acidente na BR 230

No acidente o esposo da professora, Francisco Webre Estrela, e uma menina  de 11 anos (filha do casal) permanecem internadas no Hospital Regional de Sousa. A aposentada Geralda Maniçoba, de 70 anos, morreu horas depois no HRS. E a outra vítima, Luciene Pedrina Ribeiro continua internada.

Em nota, o presidente do Sindicato, Reginaldo Tavares, se solidariza com as famílias  e colegas. “Nós professores sentimos muito pela prematura partida da nossa colega professora. Que Deus conforte as famílias e dê o descanso eterno aos que partiram”.

As vítimas de Poço José de Moura iam assistir a posse do novo padre da paróquia do município de Aparecida, Região de Sousa.

Os cinco ocupantes do Fiat: Francisco Webre Estrela, sua esposa Ana Maria Estrela (falecida), sua filha Wanda Estrela e as amigas Geralda Maniçoba e Luciene Pedrina Ribeiro

Nota de Pesar
Nós que compomos o Sindicato dos Funcionários Municipais de Poço de José de Moura, solidarizamos-nos com o companheiro sindicalista Francisco Webre Estrela pelo falecimento de sua esposa, professora Ana Maria Estrela, por ocasião de um trágico acidente ocorrido nessa terça-feira, 14, na BR-230.

Também prestamos nossa solidariedade à família de Dona Geralda Maniçoba. Que Deus conforte as famílias e dê o descanso eterno aos que partiram.

Nós professores sentimos muito pela prematura partida da nossa colega professora.

Abraço solidário!

Reginaldo Tavares
PRESIDENTE

DIÁRIO DO SERTÃO

ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo