header top bar

section content

VÍDEO: Desespero marca chegada dos corpos das vítimas da tragédia envolvendo ônibus que saiu de SP

Os corpos foram velados nas residências das vítimas, no Sítio Areia, Zona Rural de Bonito de Santa Fé.

Por Luzia de Sousa

30/08/2018 às 09h48

Choro e desespero marcaram a chegada dos corpos nessa quarta-feira (30), de Gerlândia Maria Vieira dos Santos, de 34 anos, natural de São José de Piranhas, mais conhecida por Gea, filha de Elias Nogueira e Maria Gomes Fernandes, de 66 anos, de Bonito de Santa Fé.

VEJA MAIS!

Acidente com ônibus que saiu de SP para o Ceará mata pelo menos três sertanejos da Paraíba. VÍDEO!

Ônibus com 44 passageiros que saiu de SP para o Nordeste capota, deixa mortos e feridos; 9 são crianças

Os corpos foram velados nas residências das vítimas, no Sítio Areia, Zona Rural de Bonito de Santa Fé.

Na chegada dos corpos, os familiares lamentaram as mortes e disseram que estavam preparando festa para receber as mulheres, mas o que seria momento de alegria foi transformado em dor devido a tragédia.

Elas foram vítimas do acidente envolvendo um ônibus de transporte de passageiros que saiu de São Paulo para algumas cidades do Nordeste brasileiro.

Ônibus capotou na madrugada desta segunda-feira (27) na BR-146 (Foto: Polícia Rodoviária Estadual/Divulgação)

Quatro pessoas do Sertão da Paraíba morreram e mais 37 pessoas ficaram feridas no acidente que ocorreu na madrugada desta segunda-feira (27), na BR-146, entre Cruzeiro da Fortaleza e Serra do Salitre, no Alto Paranaíba.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

NÃO QUIS ESPERAR

VÍDEO: Vereador de Itaporanga rompe com deputado estadual e anuncia que será candidato a prefeito

NOVO DECRETO

VÍDEO: Exonerações, cortes e proibições na prefeitura de Cajazeiras é para garantir 13º, diz secretário

ÁGUA

VÍDEO: Programa Mensagem Empresarial recebe empresário e fala sobre a distribuidora de água Vale Cristal

POSSÍVEL INFARTO

VÍDEO: Homem passa mal na garupa de mototáxi, e incidente quase provoca colisão no Centro de Cajazeiras