header top bar

section content

Após perder filho com câncer, mulher de 58 anos é morta a tiros no Sertão e suspeito é o ex-marido

O tiro atingiu as costas da vítima, que não resistiu e veio a óbito no local.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

23/11/2018 às 09h29 • atualizado em 23/11/2018 às 09h30

Maria José tinha 58 anos e acabou morrendo com tiros de espingarda

Uma mulher foi morta com tiros de espingarda, na noite desta quinta-feira (22), na cidade de Desterro, região de Patos no Sertão paraibano.

Segundo informações da Polícia Militar, a senhora Maria José Marinha de Farias tinha 58 anos, estava sentada em um bar, quando um homem chegou e atirou contra ela.

O tiro atingiu as costas da vítima, que não resistiu e veio a óbito no local.

A Polícia realizou diligências por toda a região, e conduziu o ex-marido da vítima, um senhor de 77 anos para a delegacia da cidade de Teixeira. O ex-companheiro de Maria José é suspeito de ser mandante do crime.

O homem que realizou os disparos ainda não foi localizado.

O corpo de Maria José foi encaminhado para o NUMOL da cidade Patos para a realização de exame cadavérico.

Em abril deste ano, a vítima perdeu um filho diagnosticado com câncer

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Se reforma da Previdência não cortar privilégios, sociedade deve ‘gritar’ contra ela, diz padre

INFRAESTRUTURA

VÍDEO: Chuvas destroem ruas de Cajazeiras que não são pavimentadas e moradores cobram ação da Prefeitura

VETERANO DA MÚSICA

VÍDEO: Em Cajazeiras, cantor de renome nacional critica sertanejo universitário: “Virou uma baderna”

COBRA REAJUSTE DE 2018

VÍDEO: Sindicalista elogia Zé Aldemir por salário de professores, mas diz que felicidade é ‘entre aspas’