header top bar

section content

Homem é suspeito de estuprar sua própria enteada de apenas 7 anos de idade no Sertão da Paraíba

De acordo com informações da polícia, um conselheiro tutelar acionou a PM por volta das 21h desta sexta-feira para averiguar a denúncia da própria mãe da criança

Por Jocivan Pinheiro

07/09/2019 às 13h21 • atualizado em 07/09/2019 às 13h31

O caso teria acontecido na cidade de Desterro, que fica localizada na região do município de Patos

A polícia procura um homem suspeito de estuprar sua enteada de apenas 7 anos de idade. O caso teria acontecido em uma comunidade rural chamada Aparecida, na cidade de Desterro, que fica localizada na região do município de Patos, Sertão da Paraíba.

De acordo com informações da Polícia Militar, um conselheiro tutelar acionou a PM por volta das 21h desta sexta-feira (06) para averiguar a denúncia da própria mãe da criança.

Segundo a mulher, seu companheiro pode ter abusado sexualmente da menina, pois ela se queixava de dores na região da vagina, onde também havia uma mancha vermelha.

VEJA TAMBÉM

Mulher é socorrida após ser agredida pelo marido dentro de residência no Ceará

Por não aceitar fim do relacionamento, jovem morre em frente à casa da ex no Vale do Piancó

Os policiais passaram a realizar diligências pela região para tentar localizar o suspeito, mas até a publicação desta matéria ele ainda não havia sido encontrado.

A vítima e sua mãe foram levadas à delegacia para formalizar a queixa e dá continuidade ao procedimento policial. Em seguida a menina foi conduzida para exames médicos.

Redação DIÁRIO DO SERTÃO

CONFIRA OS NÚMEROS

VÍDEO: Pelo 2º dia consecutivo, Cajazeiras tem mais casos recuperados de Covid-19 do que confirmados

MANTENDO EM DIA

VÍDEO: Prefeito de São José de Piranhas anuncia data de pagamento de toda a folha salarial de julho

POSSIBILIDADES DA ÁGUA

VÍDEO: Padre diz que transposição só será aproveitada se Bolsonaro desbloquear recursos para a ciência

NEGLIGÊNCIA

VÍDEO: Cidades do Vale do Piancó controlam casos de Covid-19, mas aglomeração em bancos preocupa

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!