header top bar

section content

VÍDEO: Comandante da PM lamenta morte de vereador e diz que assassinos são conhecidos no crime

O capitão disse que o jovem que atirou em Ronaldo Cunha já havia esfaqueado uma menor em Cajazeiras.

Por Luzia de Sousa

17/09/2019 às 14h11 • atualizado em 17/09/2019 às 14h18

O Capitão Hugo da Companhia de São José de Piranhas lamentou nessa segunda-feira (16), o crime de morte que vitimou o vereador e policial reformado, Ronaldo Cunha, 40 anos de idade. O crime ocorreu nessa sexta-feira (14) e chocou toda Paraíba.

VEJA MAIS: Vereador é morto a tiros após assalto em São José de Piranhas, e dois suspeitos foram presos

Hugo contou que o vereador estava na casa do sogro quando presenciou o acidente entre uma moto e uma Biz, ocupada por uma mulher e uma criança, daí o vereador tentou socorrer a criança. “O menor que é de São José de Piranhas reconheceu e disse que era policial e o maior atirou nele”.

O capitão disse que o jovem que atirou em Ronaldo Cunha já havia esfaqueado uma menor em Cajazeiras, e o menor que estava com ele também já tem várias passagens pela polícia.

Vereador foi assassinado na cidade de São José de Piranhas

ENTENDA
O vereador Ronaldo Cunha, 40 anos, da cidade de São José de Piranhas, foi baleado na noite desta sexta-feira (13), após um assalto no bairro São Sebastião, e acabou falecendo no hospital municipal.

De acordo com as primeiras informações da polícia, dois homens haviam roubado uma moto no bairro São Sebastião e durante a fuga atropelaram uma criança no Centro. O vereador, que é policial militar reformado, tentou socorrer a criança e acabou baleado no peito pelos assaltantes.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: Ex-ministro da Justiça afirma que Lula é inocente e defende anulação da sentença pelo STF

VÍDEO

Delegada da Mulher de Patos declara que aumento de feminicídios na região chama atenção pela crueldade

HOSPITAL UNIVERSITÁRIO

VÍDEO: Comitê Pró-HU do Sertão volta de Brasília otimista com possível aumento de recursos para a obra

123 DIAS

VÍDEO: Dra. Paula pede licença na Assembleia para cuidar da saúde; ela passará por duas cirurgias