header top bar

section content

Agricultor é assassinado a tiros enquanto conversava com amigos em Brejo dos Santos, Sertão da Paraíba

Este é o segundo homicídio em 2020 registrado no pequeno município de Brejo dos Santos.

Por Campelo Sousa

13/02/2020 às 09h49 • atualizado em 13/02/2020 às 09h57

O agricultor Manoel Veras Filho, de 48 anos, foi morto a tiros na noite desta quarta-feira (12) próximo à Rua Nova, na cidade de Brejo dos Santos, região de Catolé do Rocha, Sertão da Paraíba.

De acordo com informações da polícia, Manoel Veras estava com amigos sentado em uma calçada quando foi surpreendido por dois homens chegaram e efetuaram vários tiros contra o agricultor que não resistiu e faleceu no local.

O local do crime foi isolado pelos policiais militares. A polícia civil também esteve no local para realizar perícia e em seguida o corpo foi encaminhado ao Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (NUMOL) em Patos, para realização do exame cadavérico.

Manoel era irmão de Josival Veras, conhecido como “Roinha”, que foi assassinado dentro de uma residência em Catolé do Rocha no ano de 2017.

Vingança
Em entrevista por telefone ao Diário do Sertão, o delegado Seccional de Catolé do Rocha, Sylvio Rabello, revelou que a polícia já tem uma linha de investigação sobre o caso:

“Foi o mesmo grupo que no ano passado matou o irmão de Manoel, e esse grupo foi preso durante operação que fizemos e resultou também na apreensão de várias armas de fogo, mas no inicio desse ano o chefe dessa organização criminosa ganhou a liberdade e continuou a vingança matando o Manoel”, disse o delegado.

Agricultor foi assassinado a tiros (foto: reprodução/Blog do Taan)

Este é o segundo homicídio em 2020 registrado no pequeno município de Brejo dos Santos. O primeiro ocorreu no final do mês de janeiro, quando um jovem de 25 anos foi morto a tiros dentro de um bar.

DIÁRIO DO SERTÃO

TIRANDO DÚVIDAS

VÍDEO! Advogada explica tudo sobre os auxílios Doença e Emergencial do Governo Federal

EPIDEMIA CRESCE

VÍDEO: Secretária de Saúde explica como os casos suspeitos e prováveis de Covid-19 são notificados

TRABALHA EM FARMÁCIA

VÍDEO: Após fim do Mais Médicos, cubano que mora em São José de Piranhas busca retomar a profissão

CONSEGUIU SE CURAR

VÍDEO: Médica que atende em Cajazeiras e teve Covid-19 conta como a doença evoluiu no organismo dela

Recomendado pelo Google:
Conteúdo Protegido!