header top bar

section content

Travesti é assassinada com vários tiros no Centro da cidade de Patos e polícia procura suspeito

Próximo ao corpo da vítima havia seis cápsulas de munição calibre 38

Por Jocivan Pinheiro

13/04/2020 às 11h03 • atualizado em 13/04/2020 às 11h05

A travesti ‘Leca do Beral’ foi morta a tiros em Patos

Uma travesti foi assassinada a tiros na tarde deste domingo (12) na cidade de Patos, Sertão paraibano, e a polícia está tentando descobrir a motivação e o autor do homicídio.

Segundo informações da Polícia Militar, o crime aconteceu por volta das 3h na Rua Floriano Peixoto, no Centro de Patos.

A vítima foi identificada como sendo José Wilke Lopes de Medeiros, uma travesti conhecida por “Leca do Beral”, de 33 anos. Próximo ao corpo havia seis cápsulas de munição calibre 38.

A polícia informou ainda que Leca era ex-presidiária e saiu há pouco tempo do Presídio de Patos, onde estava cumprindo pena por furtos. Até o momento ninguém foi preso.

VEJA TAMBÉM

Dono de bar é atingido por disparo de arma de fogo durante assalto na Zona Sul de Cajazeiras

DIÁRIO DO SERTÃO

ESPETACULAR

VÍDEO: Aposentado de São Gonçalo distribui mudas de plantas frutíferas para várias regiões do país

CAFÉ EMPREENDEDOR

VÍDEO: Psicólogo terapeuta diz que a coisa mais invejada hoje em dia é uma família harmoniosa

FOI INVESTIGADO

VÍDEO: Governador diz que teve a vida ‘virada ao avesso’ pela Operação Calvário, mas nada foi achado

DETECTADA EM CERCA DE 50 PAÍSES

VÍDEO: Ministério da Saúde define estratégias para prevenir aumento de casos da variante ômicron

Recomendado pelo Google: