header top bar

section content

VÍDEO: Delegado do caso Pâmella Bessa lamenta impunidade no Brasil e faz alerta para população

Para Glauber Fontes, é necessário maior cumprimento das leis para redução de ciclo de crimes

Por Diário do Sertão

23/09/2020 às 17h13 • atualizado em 23/09/2020 às 17h32

Delegado responsável pelas investigações do caso do feminicídio de Pâmella Bessa, Glauber Fontes lamentou a impunidade no Brasil que leva criminosos a não temerem o sistema judiciário.

Fontes participou do programa Balanço Diário desta quarta-feira (23) e ressaltou que a falta de respostas em relação a crimes desencadeia novas ocorrências.

Conforme o delegado, a chance de um criminoso ser descoberto é pequena, assim como a chance de ser processado, condenado e de cumprir a pena: “Ele precisa ter consciência que sofrerá repreensão”, ressaltou Fontes, como uma medida para solucionar realidade.

VEJA TAMBÉM

Em ato público, coletivo de mulheres cobra justiça no caso Pâmella Bessa em Poço de José de Moura

O delegado ainda pediu que familiares, conhecidos e até vizinhos que conheçam uma mulher que sofra agressão doméstica denunciem para que os ataques sejam interrompidos antes de uma fatalidade acontecer.

“Muitas vezes a vítima não tem condições de fazer denúncia, mas quem conhece o caso pode fazer a denúncia para que chegue às autoridades e elas possam tomar providências para evitar que crimes ocorram”, pontuou.

DIÁRIO DO SERTÃO

PROJETOS E IRONIAS

VÍDEO: Candidata promete hospital para Santa Helena, e adversário pergunta se ela usa cartão do SUS

ELEIÇÕES 2020

VÍDEO: Jornalista vê em resultado de pesquisa cenário do segundo turno nas eleições em João Pessoa

CURIOSIDADE

VÍDEO: Escritora paraibana detalha relação entre Lampião e Padre Cícero durante governo de Prestes

EM DEBATE

VÍDEO: Candidata promete hospital universitário em Santa Helena com “projeto audacioso, mas concreto”

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!