header top bar

section content

Foragido da Justiça natural de São João do Rio do Peixe, é preso pelo GTE da cidade de Sousa

A prisão se deu por força de dois mandados de prisão, sendo um da 2ª Vara da Comarca de Sousa e o outro da Vara Única da Comarca de Coremas

Por Luiz Adriano

28/09/2021 às 17h44

(Imagem ilustrativa).

Um homem de 34 anos foi preso na manhã desta terça-feira (28) no Conjunto Povo de Deus, na cidade de Sousa, no Sertão paraibano. Conforme a Polícia Civil, o indivíduo que é natural de São João do Rio do Peixe, na região de Cajazeiras, foi detido porque contra ele havia dois mandados de prisão, sendo um pela 2ª Vara da Comarca de Sousa, onde é apontado por homicídio e porte ilegal de arma de fogo.

Ainda conforme a Polícia Civil, o segundo mandado de prisão foi expedido pela Vara Única da Comarca de Coremas, no Vale do Piancó. Neste segundo caso, o indivíduo é investigado pelo crime de roubo majorado, promoção, constituição, financiamento ou integração de organização criminosa.

VEJA TAMBÉM

VÍDEO: Delegado fala sobre furto na zona norte de Cajazeiras e promete agilidade na busca pelos ladrões

De acordo com as informações da polícia, a prisão aconteceu nas proximidades da residência do foragido. A PC informou que ele ainda tentou escapar do cerco policial, mas acabou sendo pego.

O homem foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil da cidade de Sousa e em seguida conduzido ao presídio do município, onde encontra-se à disposição da Justiça.

A prisão se deu através do Grupo Tático Especial (GTE) de Sousa.

DIÁRIO DO SERTÃO

AVALIAÇÃO ONLINE

VÍDEO: Maioria aprova 290 dias da 2ª gestão do prefeito de Piancó em enquete do Diário do Sertão

BENEFÍCIO DO GOVERNO

VÍDEO: Chefe da 6ª Ciretran de Cajazeiras explica sobre anistia de débitos de licenciamento de motos

VOCÊ MERECE ESSE PRESENTE

VÍDEO: Ótica A Graciosa lança Esquenta Black com descontos arrasadores em peças e acessórios exclusivos

QUEDA DE BRAÇO

VÍDEO: IFPB recusa criação do IF Sertão, mas professor afirma que o projeto será votado no Congresso

Recomendado pelo Google: