header top bar

section content

Matador de organização criminosa é preso na região de Catolé do Rocha durante Operação Policial

O homem é investigado pela prática de vários homicídios na região do alto sertão paraibano. A prisão se deu por meio de uma ação das polícias Civil e Militar da Paraíba, e a Polícia Civil do Rio Grande do Norte

Por Diário do Sertão com Assessoria de Comunicação/PCPB

23/10/2021 às 12h10 • atualizado em 23/10/2021 às 12h14

(Imagem ilustrativa).

Um homem de 33 anos foi preso nesta sexta-feira (22) na cidade de Brejo dos Santos, na região de Catolé do Rocha. Segundo informações da Policia Civil, o suspeito estava foragido no estado de São Paulo desde o ano passado e voltou à Paraíba para cometer mais um assassinato, conforme indicam as investigações.

A prisão se deu por meio de uma ação das polícias Civil e Militar da Paraíba, e a Polícia Civil do Rio Grande do Norte. O homem é investigado pela prática de vários homicídios na região do alto sertão paraibano.

VEJA TAMBÉM

Acusado de homicídio na Paraíba é preso em Mossoró-RN suspeito de manter companheira em cárcere privado

INVESTIGAÇÃO

O suspeito é membro de uma organização criminosa que já foi alvo de investigações das polícias civis do Rio Grande do Norte e da Bahia, durante a ‘Operação Sinaloa’, que apura o tráfico internacional de drogas. A prefeita do município de João Dias (RN) e o presidente da Câmara de Vereadores da cidade – pai dela – foram presos nessa operação, em 2020.

Na última terça-feira (19), dois irmãos da prefeita morreram em confronto com a Polícia Civil da Bahia. Francisco Deus Amor Jacome de Oliveira e Leidjan Jacome de Oliveira, também investigados pela Operação Sinaloa, foram baleados na troca de tiros e não resistiram aos ferimentos. Os mandados de prisão que os policiais tentavam cumprir são da Justiça Federal do estado do Paraná.

MATADOR DA ORGANIZAÇÃO

O homem preso na Paraíba era, segundo as investigações, o pistoleiro que atuava a mando da organização criminosa investigada pela ‘Sinaloa’.

O foragido foi preso pelas equipes da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (DRACO/PCPB), do 12° BPM/PB e da Polícia Civil de Alexandria (PCRN).

Ele está recolhido, à disposição da Justiça.

DIÁRIO DO SERTÃO

ELEIÇÕES 2022

VÍDEO: No Sertão, Veneziano diz que é ‘estranho’ o silêncio do governador, mas ainda aguarda ser chamado

RELIGIÃO

VÍDEO: Programa Mensagem de Esperança aborda tema que trata sobre o chamado de Deus

LUTO

VÍDEO: Sepultamento de ex-vereador de Condado é marcado por grande número de pessoas e muita comoção

AÇÃO PARLAMENTAR

VÍDEO: Emenda de Veneziano de R$ 1,5 milhão garante implantação de cozinhas comunitárias em João Pessoa

Recomendado pelo Google: