header top bar

section content

Mulher da região de Patos que morreu em acidente em São Paulo acabara de conseguir um emprego, diz irmão

Segundo João Batista, irmão de Vilani e tio de Any Vitória, sua irmã "estava animada". Mãe e filha morreram no acidente

Por Luiz Adriano

15/01/2022 às 11h40

(Foto: reprodução/G1-SOROCABA E JUNDIAÍ).

A mulher da região de Patos que morreu no estado de São Paulo esmagada por uma carreta na madrugada da última terça-feira (11), tinha conseguido um emprego e havia concluído o curso de bombeiros. A informação é do irmão da vítima, João Batista de Sousa, a qual foi postada no G1 de Sorocaba e Jundiaí.

“Ela saiu da Paraíba e foi para São Paulo porque tinha conseguido um novo emprego em Tatuí. Inclusive, iria começar na próxima semana. Em dezembro, ela se formou no curso de bombeiros e estava animada”, relatou.

VEJA TAMBÉM

Colisão envolvendo carro e moto deixa uma mulher morta e outra ferida na BR que liga Itaporanga à Piancó

O ACIDENTE

Maria Vilani Alves de Souza, de 32 anos e sua filha Any Vitória Alves Rodrigues, 9, ambas da cidade de Santa Terezinha, na região de Patos, morreram na madrugada da última terça-feira (11) vítimas de um acidente automobilístico ocorrido no km 90 da Rodovia Castello Branco, em Sorocaba (SP). De acordo com testemunhas, mãe e filha teriam viajado para o estado paulista no último fim de semana.

SEPULTAMENTO

Os corpo de mãe e filha chegaram na cidade de Santa Terezinha na noite da última quarta-feira (12) e foram velados em um ginásio da cidade. O sepultamento aconteceu na manhã da quinta-feira (13) sob forte comoção no cemitério de Santa Terezinha.

Clique no link abaixo e veja a matéria completa do acidente:

Mãe e filha da região de Patos morrem esmagadas por uma carreta em SP e são sepultadas sob forte comoção

DIÁRIO DO SERTÃO

ESTELIONATO

VÍDEO: Casal engana idosa na cidade de Pombal e subtrai bolsa com quase R$ 600,00, celular e documentos

DUPLO HOMICÍDIO EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: Delegado revela em que fase está o caso do ‘Crime do Papa Mel’ e as buscas pelo suspeito

CRIME PERFEITO?

VÍDEO: Sete anos após “crime do Papa Mel” em Cajazeiras ninguém foi preso; moradores falam sobre o caso

CAMPANHA SOLIDÁRIA

VÍDEO: Sem conseguir andar por causa de problemas de saúde, morador de Cajazeiras faz um forte apelo

Recomendado pelo Google: