header top bar

section content

Presidente da Câmara de Bonito dá exemplo e presta contas na TV Diário do Sertão

Vando Viana frisou que a Câmara tem obrigação de fazer a prestação de contas publicamente porque os vereadores são eleitos pelo povo

Por Jocivan Pinheiro

01/07/2016 às 16h50 • atualizado em 01/07/2016 às 16h54

O presidente da Câmara Municipal de Bonito de Santa Fé, vereador José Devanio (Vando Viana – PTB), deu um exemplo de transparência e responsabilidade com o dinheiro público ao prestar contas, ao vivo, das despesas do Poder Legislativo do seu município no programa Olho Vivo, da TV Diário do Sertão, na manhã desta sexta-feira (01).

Vando frisou que a Câmara tem obrigação de fazer essa prestação de contas publicamente porque os vereadores são eleitos pelo povo, que precisa saber como o seu dinheiro está sendo gasto. Ele ressalta que sua gestão faz um trabalho diferenciado das demais nesse sentido.

“O povo de Bonito, aqueles que escolheram os vereadores para representá-los naquela casa, têm por obrigação de saber para onde está indo o dinheiro que ali chega, e tenho feito isso com a maior clareza, não querendo ser melhor do que outros que por ali passaram. Tenho feito um trabalho diferenciado buscando levar à população o conhecimento real do que ali acontece.”

De acordo com o balanço dos primeiros cinco meses de 2016, a Câmara de Bonito, mesmo recebendo um duodécimo considerado pequeno – R$ 70 mil -, mantém as suas despesas em dia, entre elas as folhas de pagamento de vereadores, funcionários e assessorias jurídica e de imprensa; não há débitos com materiais de consumo; as guias da Previdência Social estão pagas; bem como despesas com consultoria de contabilidade e contas de água, luz, telefone etc.

O documento apresentado pelo presidente detalha também outros gastos necessários e dentro do orçamento, segundo ele, tais como diárias para tratar de assuntos de interesse da Câmara e da população, pagamento para pedreiro por serviços de reparos na estrutura do prédio, pagamento para assessoria em licitação e publicação de leis no site da casa.

Mesmo com essas despesas e gastos, a Câmara já tem garantido o pagamento da 1ª parcela do 13º salários dos funcionários; estoque de material de expediente e pretende comprar utensílios domésticos novos e equipamentos de informática.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

CULTURA

Professoras da UFCG de Cajazeiras lançam livro sobre ‘Ética, Bioética e Controle Social da Ciência’

RELIGIÃO

VÍDEO: Festa de Nossa Senhora da Guia, padroeira de Patos é oficialmente lançada. Confira a programação!

SOLUÇÃO

VÍDEO: Continuando série sobre o lixão, Xeque Mate fala de ações para resolver problemática do lixão

VÍDEO

RESGATANDO VIDAS: Missionário revela exemplo de superação em Cajazeiras após libertação das drogas