header top bar

section content

Servidor público denuncia que prefeitura de Cachoeira dos Índios está obrigando motoristas de ônibus universitário a trabalharem aos sábados

"Fez até via ofício. Isso é ilegal, falta de respeito com os servidores". Declarou o motorista

Por Luzia de Sousa

15/05/2017 às 21h03 • atualizado em 16/05/2017 às 15h15

O denunciante, que pediu sigilo na identidade temendo represálias (Foto: ilustrativa)

Um motorista da cidade de Cachoeira dos Índios, que transporta estudantes para faculdades de Cajazeiras denunciou nesta segunda-feira (15), que o secretário de transportes, Sebastião Francisco de Sousa, que é tio do prefeito Alan Seixas (PSB), está obrigando os profissionais a trabalharem aos sábados.

Veja mais!

+ Emocionado, médico de Cachoeira dos Índios revela que sonho de trabalhar na sua Terra virou pesadelo, denuncia perseguição e tacha secretária que é tia do prefeito de despreparada. VÍDEO!

+ ‘A GRANDE FAMÍLIA’? Esposa, tios, primo e sogro são os secretários nomeados por prefeito da região de Cajazeiras; Gestor responde e alfineta: “Oposição não se conformou com a derrota”

+ ‘A GRANDE FAMÍLIA DOIS’: Cresce lista de parentes do prefeito Alan Seixas no governo

De acordo com o denunciante, que pediu sigilo na identidade temendo represálias, o secretário, mais conhecido na cidade por “Branco”, emitiu um ofício com uma escala para os motorista, que terão que trabalhar cerca de quatro sábados cada um deles.

Ele disse que os dias exigidos pela administração não terão pagamentos de Horas Extras, compensação de horas durante a semana, nem diárias.

“Fez até via ofício. Isso é ilegal, falta de respeito com os servidores”. Declarou o motorista

Veja o ofício do secretário!

O outro lado
A redação do Diário do Sertão tentou ouvir o secretário de transportes, porém, sem êxito. Já o secretário de comunicação do município, o radialista Júnior Soares explicou que os motoristas de ônibus já recebem, mesmo sem trabalharem, “jornada extra”. O secretário alegou também que os motoristas não cumprem jornada diária de 8 horas, e esse acordo de trabalhar aos sábados teria sido acordado entre os funcionários e a secretaria de transportes. Júnior Soares disse ainda que cada motorista trabalhará apenas um sábado.

DIÁRIO DO SERTÃO

DIÁRIO ESPORTIVO

VÍDEO: Na TV, dirigentes do Atlético de Cajazeiras explicam contratações fechadas e outras que ‘melaram’

NOVAS CRÍTICAS

VÍDEO: Para líder católico de Cajazeiras, o Nordeste será “um recanto esquecido” por Bolsonaro

CLIMA DE EMOÇÃO

VÍDEO: Amigos e familiares destacam o legado de Dr. Toinho durante velório do advogado em Cajazeiras

ECONOMIA

VÍDEO: Com fila zerada, Bolsa Família injeta quase R$ 2 milhões por mês em Cajazeiras, diz coordenador