header top bar

section content

Obras inacabadas da prefeitura de São João do Rio do Peixe foram licitadas a empresa administrada por investigado na Andaime; Adutora foi construída por empresa que está na Andaime

Somente no ano de 2014, a prefeitura de São João do Rio do Peixe empenhou R$ 1.215.330,75 para a Wd. Construções e Serviços Ltda Me.

Por Luzia de Sousa

08/06/2017 às 21h04 • atualizado em 09/06/2017 às 08h46

A população de São João do Rio do Peixe vem usando a imprensa e as redes sociais para denunciar algumas obras inacabadas no município. Ao Diário do Sertão foram denunciadas duas academias de saúde, uma quadra de esporte e mais recentemente a construção de uma escola, orçada no valor de R$ 519.415,23.

Veja mais!

+ Prefeitura de São João do Rio do Peixe investe mais de R$ 100 mil para construir quadra e alunos tem que colocar traves de pau para jogar; Para o TCE quadra seria coberta

+ População denuncia obras de academias de saúde inacabadas em São João do Rio do Peixe; Obras foram licitadas em quase R$ 200 mil

+ Licitada em mais de R$ 100 mil, população denuncia que academia de saúde de São João do Rio do Peixe serve para acolher jogos de azar

A escola de ensino fundamental, localizada no centro de São João do Rio do Peixe, próximo ao cemitério foi licitada no ano de 2014 e teriam quatro salas de aula, um pavilhão coberto para recreação e cozinha, segundo o TCE.

+

Estas quatro obras foram licitadas e a empresa ganhadora foi a Wd. Construções e Serviços Ltda Me, conforme consta na prestação de contas da prefeitura ao Tribunal de Contas do Estado, que segundo a Receita Federal, a empresa tem como sócio administrador, Wendel Alves Dantas, investigado da Operação Andaime, desencadeada pelo Ministério Público Federal no ano de 2015.

A empresa do investigado na Andaime foi a ganhadora para construir duas academias de saúde no município no valor de R$ 196.039,14, ganhou a licitação para construir uma quadra de esporte na escola José Gonçalves licitada no ano de 2014 no valor de 101.601,80, e já este ano, 2017 foi empenhado o valor de R$ 15.293,74 para a quadra sendo que na descrição do documento ao TCE está justificado: “Pagamento referente a construção de uma quadra escolar coberta da Escola José Gonçalves”, além da construção da escola orçada no valor de R$ 519.415,23.

Somente no ano de 2014, a prefeitura empenhou R$ 1.215.330,75 para a Wd. Construções e Serviços Ltda Me.

O outro lado
A redação do Diário do Sertão conseguiu entrar em contato com a Secretaria de Comunicação, através do secretário Cazuza Neto na tarde desta quinta-feira (8), onde informou que a prefeitura se pronunciará através de nota nessa sexta-feira (9).

Adutora
Segundo o TCE, a prefeitura de São João do Rio do Peixe pagou no ano de 2015 a empresa WJ Engenharia Ltda, o montante de R$ 6.538.528,99, ganhadora da licitação para construção do sistema adutor da cidade. A empresa também é alvo de investigação na Operação Andaime, e segundo o Ministério Público Federal, fundada pelo sócio administrador da Wd Construções, Wendel Dantas, que também administrou esta empresa até junho de 2011.

“A WJ Engenharia não possui sequer um único trabalhador para execução de suas obras”, diz trecho da denúncia do MPF.

.

DIÁRIO DO SERTÃO

ENTREVISTA

VÍDEO: João Azevêdo garante que tem planos para fortalecer produção de leite e área da saúde em Pombal

ALÍVIO

VÍDEO: Para vice-presidente do SINDIÁGUA, eleição de João Azevêdo afasta risco de privatização da Cagepa

FASE DE 'ÓCIO'

VÍDEO: Aposentado, jornalista da PB cita ex-colegas da imprensa que ele admira e diz se pretende voltar

GOVERNADOR ELEITO

VÍDEO: Azevêdo diz que apesar de Sousa não eleger nenhum deputado, cidade terá representante no governo