header top bar

section content

Ex-prefeita de Cajazeiras Denise Albuquerque tem inelegibilidade afastada pelo TRE-PB

O tribunal entendeu que inexistiu gravidade suficiente à decretação de inelegibilidade no fato de a gestão de Denise ter utilizado um slogan nos prédios, documentos e veículos públicos

Por DIÁRIO DO SERTÃO

01/03/2019 às 16h52

Denise Albuquerque, ex-prefeita de Cajazeiras

O Pleno do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, afastou as hipóteses de inelegibilidade e de suspensão dos direitos políticos de Denise Albuquerque (PSB), Ex-prefeita de Cajazeiras, Sertão do estado, nos autos da Ação de Investigação Judicial Eleitoral nº 178-35.2016.6.15.0042, cuja relatoria coube a Juíza Michelini de Oliveira Dantas Jatobá.

O tribunal entendeu que inexistiu gravidade suficiente à decretação de inelegibilidade no fato de a gestão de Francisca Denise de Oliveira ter utilizado um slogan nos prédios, documentos e veículos públicos, que fazia referência ao Brasão do Município de Cajazeiras, durante o micro processo eleitoral de 2016.

A defesa de Francisca Denise de Oliveira foi realizada pelos advogados Johnson Abrantes e Bruno Lopes, que ressaltaram: “A gestão da Senhora Francisca Denise utilizou referido slogan, que fazia referência ao Brasão do próprio Município de Cajazeiras/PB, desde o seu início, em 2013, de forma que, em um juízo de proporcionalidade, inexistiu qualquer motivação para a decretação de sua inelegibilidade, como restou pontuado, inclusive, pelo próprio Ministério Público Eleitoral, encontrando-se a Ex-gestora, portanto, apta a qualquer disputa eleitoral vindoura”.

Recomendado para você pelo google

NA VILA NOVA

VÍDEO: Advogado acusa PM de abuso de autoridade durante blitz em Cajazeiras: “Atitude transloucada”

EVENTOS ATÉ DIA 06/12

VÍDEO: Prefeito de Monte Horebe anuncia pagamento de servidores e programação do aniversário da cidade

ESTELIONATO

VÍDEO: Após dois golpes em banco de Cajazeiras, advogado mostra como vítimas devem buscar seus direitos

FIQUE POR DENTRO

Radialista sousense fala das condenações de ex-prefeitos e visita da PF na casa de empresário no Sertão