header top bar

section content

Jeová afirma que quem mudou de posição foi Ricardo Coutinho, e não Léo Abreu

O prefeito Léo está ao lado do PT, PC do B, PMDB, ou seja, ele está com os partidos que fizeram a disputa com os democratas e o PSDB em 2006, quando nós enfrentamos Cássio Cunha Lima.

Por

17/12/2009 às 23h39

Em entrevista à nossa reportagem, o deputado estadual Jeová Campos afirmou como encarou a posição do prefeito Léo Abreu quanto ao apoio dos democratas à candidatura do prefeito Ricardo Coutinho ao governo do estado, e também justificou a posição do prefeito Léo destacando as realizações do governo Maranhão na cidade de Cajazeiras.

Divergência
Outro argumento usado pelo parlamentar petista foi a dissidência de Ricardo Coutinho do seu grupo político, que o fez prefeito da capital em 2004 e 2008. Na opinião de Jeová, o prefeito cajazeirense não mudou de lado, mas o prefeito pessoense mudou de postura: “Infelizmente quem rompeu com a aliança foi o prefeito Ricardo, e assim ele deixou de integrar uma frente política que o elegeu em 2004 e 2008, formada pelo PMDB e outros partidos aliados.

O prefeito Léo está ao lado do PT, PC do B, PMDB, ou seja, ele está com os partidos que fizeram a disputa com os democratas e o PSDB em 2006, quando nós enfrentamos Cássio Cunha Lima. Essa mudança de postura é de Ricardo”, confirmou Jeová Campos.

RAQUEL ALEXANDRE
Da redação do Diário do Sertão

Tags:
MUITO ESTRAGO

VÍDEOS: Chuva com vendaval causa destruição de prédios em Cajazeiras e Sousa e assusta moradores

DE 22 A 27 DE JANEIRO

VÍDEO: Teatro Ica completa 34 anos em Cajazeiras com extensa e diversificada programação cultural

DE 2017 PARA ESTE ANO

VÍDEO: São José de Piranhas tem aumento alarmante de homicídios em 2018; confira balanço da PM na região

VIXE!

VÍDEO: Vidente detalha futuro da imprensa de Cajazeiras e prevê mortes: “Não chega às festas juninas”