header top bar

section content

VÍDEO: Frei atribui ataques à Igreja Católica a Satanás: “O Diabo quer destruir a igreja”

Em visita à cidade de Pombal, o religioso disse que os próprios católicos desanimam na religião quando estes fatos são expostos

Por Raquel Alexandre

02/04/2019 às 09h56 • atualizado em 02/04/2019 às 16h18

O frei Gilson Kammer, que pertence à Comunidade dos Freis Carmelitas Mensageiros do Espírito Santo, da cidade de Brooklyn-SP, comentou nesta terça-feira (02) acerca dos ataques que a Igreja Católica vem sofrendo nos últimos anos por causa dos escândalos de pedofilia.

De acordo com o Frei, tudo o que está acontecendo é uma artimanha de Satanás que tem o objetivo de destruir a igreja.

“Claro que na Igreja Católica sempre houve pecados dos seus membros, padres. Qualquer pessoa pode cometer erros, assim como há em outras igrejas e outros lugares, entretanto com essa exposição há um grande movimentos espiritual para descredibilizar a Igreja”, destacou.

DESÂNIMO DOS FIÉIS

O religioso disse ainda que os próprios católicos desanimam na religião quando estes fatos são expostos. “Este é o pecado do escândalo, o que o diabo quer é escandalizar e fazer com que os fiéis desistam da igreja”, ressaltou.

Frei Gilson disse ainda que o Papa Francisco tem enfrentado tudo com verdade e transparência para que a verdade sempre prevaleça na sociedade católica.

VEJA TAMBÉM: VÍDEO: Igreja Católica na Paraíba é condenada a pagar indenização de R$ 12 milhões por exploração sexual

ESCÂNDALOS NA IGREJA CATÓLICA

A Igreja Católica se encontra em meio a uma onda de escândalos de pedofilia, nos últimos anos. Desde 2010, centenas de casos de abusos sexuais de crianças e adolescentes em instituições religiosas foram revelados.

No mês de Fevereiro deste ano, o Vaticano realizou uma cúpula inédita sobre pedofilia. Ao final do encontro, o papa Francisco prometeu “uma luta em todos os níveis” contra os abusos sexuais por parte do clero.

Em janeiro deste ano, o Fantástico divulgou uma matéria em que a Justiça do Trabalho condenou a Arquidiocese da Paraíba a pagar uma indenização de R$ 12 milhões por casos de exploração sexual contra menores de idade. O crime foi praticado por padres e até o arcebispo emérito do estado estão envolvidos no escândalo.

PORTAL DIARIO

Recomendado para você pelo google

MAIS EDUCAÇÃO

VÍDEO: No 2º dia da Mostra de Conhecimentos do N. S. do Carmo, alunos se destacam em temáticas diversas

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: No Mês da Black Friday, concessionária Brazauto oferece preços e formas de pagamento especiais

VÍDEO

Vereador lamenta falta de doação ao Hospital Laureano e acusa prefeito de Pombal: “Virou as costas”

TROVÃO NO BRASILEIRÃO

VÍDEO: Prefeito se compromete a patrocinar o Atlético de Cajazeiras com R$ 20 mil mensais em 2020