header top bar

section content

VÍDEO: Pastor fala sobre significado da Páscoa para os protestantes: “É o sacrifício e a libertação”

Questionado sobre a tradição que as datas têm, mais que não são comemoradas como na Igreja Católica, ele explicou

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

18/04/2019 às 13h10

Ás vésperas da Páscoa, a grande Celebração Cristã, o Pastor da Igreja Água da Fonte da Vida, Ismar Pereira, falou sobre essa importante data para os Protestantes.

Segundo ele, a data tem dois importantes significados: “A páscoa em si significa duas coisas, o sacrifício e a libertação. O sacrifício de Jesus na cruz veio para nos libertar de todos os males, de tudo aquilo que hoje é ofensa ao ser humano. Jesus como nosso cordeiro pascoal, ele então fez-se sacrifício por nós para que hoje nós pudêssemos viver uma vida livre de todos esses males.”

Questionado sobre a tradição que as datas têm, mais que não são comemoradas como na Igreja Católica, ele explicou: “Nós comemoramos a sexta-feira como o sacrifício de Jesus que foi a sua morte, e no domingo, o domingo da ressurreição. Não especificamente tendo toda uma tradição porque o dia em si não é muito interessante, mas o fato em si é o da morte e ressurreição. então os evangélicos comemoram sim e é uma data muito importante”, disse o Pastor que concluiu afirmando:

“Que o Senhor ressuscite os sonhos, a alegria, o amor, a paz. Que ressuscite o perdão, que o Senhor ressuscite todas as coisas boas que no decorrer do ano, do tempo, as pessoas tem perdido. Mas que nessa semana, nesses dias que antecedem a páscoa, você ressuscite dentro de você tudo aquilo que te faz feliz!”

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

HOMENAGEM

VÍDEO: Xeque Mate homenageia mototaxistas e entrevista a única mulher mototaxista de Cajazeiras

HOMENAGEM

VÍDEO: Com música ao vivo, programa Diversidade em Foco faz reflexão sobre o Dia das Mães; Assista!

EXCLUSIVO

Presidente reafirma proibição de arma na assembleia, fala da Operação Calvário e cortes de gabinetes

VÍDEO

Governador João Azevêdo fala sobre o afastamento político com Ricardo Coutinho e mudanças no Governo