header top bar

section content

Padres e religiosos da Diocese de Cajazeiras participam de missão em comunidades ribeirinhas na Amazônia

O Instituto Jesus Missionário dos Pobres (IJMP), fundado pelo Monsenhor Gervásio de Queiroga, em Cajazeiras, sertão da Paraíba, participa da missão na Amazônia

Por José Dias Neto

12/10/2021 às 23h54

Religioso do Instituto Jesus Missionário dos Pobres da Diocese de Cajazeiras. Foto: Divulgação

Com apoio da congregação católica Orionitas, padres e religiosos do Instituto Jesus Missionário dos Pobres da Diocese de Cajazeiras, estão realizando uma missão popular na Amazônia, durante todo mês de outubro, visitando comunidades ribeirinhas e aproximando as pessoas dos sacramentos da igreja católica.

O Instituto Jesus Missionário dos Pobres (IJMP), fundado pelo Monsenhor Gervásio de Queiroga, em Cajazeiras, sertão da Paraíba, participa da missão na Amazônia, através dos padres e religiosos que integram a evangelização nas comunidades ribeirinhas.

VEJA MAIS: 

VÍDEO: Missa especial marca despedida de padres e frei da Diocese de Cajazeiras que vão para a Amazônia

‘’Mês das Missões 2021. Cajazeiras presente na Amazônia’’, celebrou o Monsenhor Gervásio ao Diário do Sertão.

VEJA TAMBÉM

Do dia 30 de setembro a 03 de outubro de 2021 com o tema: “Missionários Orionitas, juntos em Missão”, aconteceu na Ilha do Marajó as Santas Missões Populares Orionitas. Estiveram participando as irmãs orionitas, religioso orionita e também do Instituto Jesus Missionário dos Pobres, aspirantes orionitas e leigos e leigas do Movimento Laical Orionita (MBO), Pastoral da Criança, entre outras pastorais e movimentos.

‘’Foram momentos de partilha e fraternidade para motivar o povo de Deus a seguir sempre avante mesmo em meio a uma pandemia. Sem dúvidas as sementes que foram plantadas serão fortaleza para o futuro’’, destacam os religiosos orionitas.

A MISSÃO NA AMAZÔNIA

A congregação Orionitas começou a missão na Amazônia há mais de 34 anos, inicialmente pregando o evangelho e posteriormente preparando, enviando e mantendo os missionários, tanto nas cidades como no interior.

Na imensidão da Amazônia, onde está a maior bacia hidrográfica do mundo, o barco dita o ritmo da vida. Nossos missionários utilizam as embarcações como o principal meio de transporte, pois o rio Amazonas conecta centenas de pequenas comunidades ribeirinhas, cidades pequeninas, municípios maiores e grandes capitais.

O trabalho de evangelismo e ação social é um grande desafio nessa região. Às margens dos rios da Amazônia existem pessoas sem perspectiva de vida, vivendo na extrema pobreza, isolados em meio as florestas, pessoas que carecem de médicos e saneamento, e em sua maioria nunca ouviram falar de Jesus Cristo. Para elas, nossas embarcações são a única forma de socorro e auxílio

DIÁRIO DO SERTÃO

DE PARABÉNS

VÍDEO: João Azevêdo parabeniza Patos pelos 118 anos e destaca investimentos superiores a R$ 320 milhões

AUTOMÓVEL DESTRUÍDO

VÍDEO: Acidente com capotamento é registrado na BR-230 em Cajazeiras e motorista é socorrido ao HRC

AÇÃO RÁPIDA

VÍDEO: Bandidos invadem residência em Pombal durante a madrugada e PM consegue impedir ação de meliantes

SUCESSO

VÍDEO: Acústico Diário recebe dupla da região de Sousa pela segunda vez e programa bomba em audiência

Recomendado pelo Google: