header top bar

section content

Pesquisa alerta: remédios Diclofenaco e Ibuprofeno elevam risco de infarto

O ibuprofeno aumenta em até 31% o risco de quem ingere medicamentos à base deste composto, já remédios com Diclofenaco chegam a aumentar em até 51% o risco de sofrer uma parada cardíaca.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

03/04/2017 às 10h13

(Foto: iStock/twinsterphoto)

Medicamentos usados no combate a inflamações e dores, contendo diclofenaco e ibuprofeno, podem aumentar o risco de sofrer um ataque cardíaco, segundo estudos recentemente publicados no European Heart Journal.

Esses efeitos já foram apontados em pesquisas anteriores, que associavam o uso de anti-inflamatórios não esteroides, ou Aines, com o aumento do risco de infarto, especialmente entre pessoas que já sofrem com doenças cardiovasculares, como hipertensão.

O ibuprofeno aumenta em até 31% o risco de quem ingere medicamentos à base deste composto, já remédios com Diclofenaco chegam a aumentar em até 51% o risco de sofrer uma parada cardíaca.

Uma das preocupações dos especialistas é o fato da população ter fácil acesso a esse tipo remédios, sem necessitar receita médica. Em alguns países esses medicamentos são vendidos até em mercados e postos de gasolina.

“Permitir que esses medicamentos sejam adquiridos sem receita médica e sem qualquer conselho ou restrição envia uma mensagem ao público de que eles são seguros”, afirma Gunnar Gislason, professor da Universidade de Copenhague e coautor do estudo, em uma nota da Sociedade Europeia de Cardiologia, segundo matéria publicada no UOL.

No Brasil as bulas dos medicamentos que possuem diclofenaco e ibuprofeno em suas fórmulas alertam que esses remédios devem ser usados com cautela em pacientes com histórico de problemas cardíacos.

Catraca Livre

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

Secretário de João Azevêdo defende aproximação de Dra Paula e Zé Aldemir ao Governo estadual

BRIGA NO CARNAVAL

VÍDEO: Autoridades policiais revelam que suspeitos do crime na Vila Nova em Cajazeiras alegaram vingança

SAÚDE

VÍDEO: Mensagem Empresarial recebe médico radiologista e tira dúvidas sobre os exames por imagem

CRISE NO PSB

VÍDEO: Nonato Bandeira evita dar resposta a Ricardo por determinação de João Azevêdo: “Estamos focado no trabalho”