header top bar

section content

Durante visita, deputado de CZ confirma que empresa abandonou a transposição – VÍDEO

Jeová Campos confirmou que a Construtora Mendes Junior não está mais executando parte dos serviços de sua responsabilidade

Por Jocivan Pinheiro

25/07/2016 às 17h26 • atualizado em 25/07/2016 às 18h44

A Frente Parlamentar das Águas – uma comissão de deputados formada pela Assembleia Legislativa da Paraíba – fez uma visita de inspeção às obras da transposição do Rio São Francisco e constatou mais um problema que pode adiar a conclusão da obra, prevista para o final de 2016 pelo ministro da Integração Nacional.

Comissão percorre galpões da transposição

Comissão percorre galpões da transposição

O deputado Jeová Campos (PSB), acompanhado por membros da imprensa local, confirmou que a Construtora Mendes Junior não está mais executando parte dos serviços de sua responsabilidade. A alegação seria crise financeira que tem ocasionado demissões na empresa.

O contrato com a Mendes Junior engloba a construção de canais, estações de bombeamento, túneis e reservatórios. Só que resta ainda a construção de três pontes e finalização de outros serviços como as estações de bombeamento 2 e 3 e parte de um canal.

VEJA TAMBÉM

» Especialista afirma que águas da transposição do São Francisco não chegarão a açudes da PB em 2016

» Governo Federal anuncia aumento de repasse às empresas para concluir transposição em dezembro

Diante da situação, foi sugerida a criação de um fórum para buscar uma solução junto aos deputados e senadores e ao Tribunal de Contas da União (TCU) para sanar o problema sem a necessidade de uma nova licitação, ou então negociar a entrega das obras abandonadas pela Mendes Junior para a empresa Serveng Civilsan, que tem intensificado seus serviços.

“O que fica pra gente desse encontro é uma motivação muito grande. O que fica como desconforto é saber que a Mendes Junior abandonou a obra nos lotes 3 e 4 e também no lote 8. Agora vamos entrar numa etapa de mobilização política, de diálogo com a sociedade para que seja adotada uma alternativa rápida para que nós não tenhamos que pagar uma conta mais cara e andar com a lata na cabeça”, disse o deputado Jeová Campos.

O parlamentar não acredita que a obra seja concluída nesse ano: “Tem que encontrar uma saída rápida, tem que mobilizar o Tribunal de Contas da União para nos ajudar porque é uma questão emergencial. Não temos como morar aqui na nossa região sem ter água”, frisou.

FOTOS:

.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

PADROEIRO

VÍDEO: Festividades de São José, em Bom Jesus, chegam ao fim com eventos de esporte e shows no distrito

COM OLIVAN PEREIRA

VÍDEO: Nomeações em Cajazeiras, dia de São José e Zona Azul são os destaques do Direto ao Ponto de hoje

INDICAÇÕES DE CARGOS

VÍDEO: ‘Caça às bruxas’ de Jeová e Júnior pode render 2 mil votos para Zé Aldemir em 2020, diz colunista

INCENTIVO À CULTURA

VÍDEO: Projetos aprovados pelo FUMINC em Cajazeiras poderão ser anunciados na segunda semana de abril