header top bar

section content

Bolsonaro x Haddad: plano de privatização do ensino contra gestão que abriu 126 universidades, diz padre

No Direto ao Ponto, Padre Francivaldo deu destaque ao antagonismo dos dois candidatos à presidência da República que estão disputando o segundo turno

Por Jocivan Pinheiro

12/10/2018 às 15h26 • atualizado em 12/10/2018 às 15h32

No Direto ao Ponto da semana, Padre Francivaldo deu destaque ao antagonismo dos dois candidatos à presidência da República que estão disputando o segundo turno.

Ao levantar características de Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) como políticos e gestores, Padre Francivaldo ressalta a proposta do candidato da extrema direita de privatizar o ensino público superior e recorda os investimentos de Haddad durante sete anos em que foi ministro da Educação e abriu 126 universidades e 214 Institutos Federais.

Além disso, Padre Francivaldo compara os dois projetos como sendo um que governa para os mais ricos e é contra os ‘diferentes’ e os pobres (Jair Bolsonaro); enquanto outro pretende investir no desenvolvimento das classes mais vulneráveis (Fernando Haddad).

VEJA TAMBÉMPesquisar vida dos candidatos é o primeiro passo para voto inteligente, alerta padre

DIÁRIO DO SERTÃO

GOVERNADOR ELEITO

VÍDEO: Em entrevista exclusiva, João Azevêdo agradece Sertão pela vitória e revela planos para a região

ENTREVISTA ESPECIAL

DIA DO MÉDICO: Um dos médicos mais respeitados de Cajazeiras relata fatos marcantes do seu ‘sacerdócio’

RESULTADOS MARCANTES

VÍDEO: Na capital, jornalista cajazeirense avalia vitória de Azevêdo e derrota de Cássio: “Foi um marco”

ACONTECE EM NOVEMBRO

VÍDEO: Secretária da Prefeitura e gerente do Sebrae dão detalhes sobre a feira Expo Negócios Cajazeiras