header top bar

section content

Bolsonaro x Haddad: plano de privatização do ensino contra gestão que abriu 126 universidades, diz padre

No Direto ao Ponto, Padre Francivaldo deu destaque ao antagonismo dos dois candidatos à presidência da República que estão disputando o segundo turno

Por Jocivan Pinheiro

12/10/2018 às 15h26 • atualizado em 12/10/2018 às 15h32

No Direto ao Ponto da semana, Padre Francivaldo deu destaque ao antagonismo dos dois candidatos à presidência da República que estão disputando o segundo turno.

Ao levantar características de Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) como políticos e gestores, Padre Francivaldo ressalta a proposta do candidato da extrema direita de privatizar o ensino público superior e recorda os investimentos de Haddad durante sete anos em que foi ministro da Educação e abriu 126 universidades e 214 Institutos Federais.

Além disso, Padre Francivaldo compara os dois projetos como sendo um que governa para os mais ricos e é contra os ‘diferentes’ e os pobres (Jair Bolsonaro); enquanto outro pretende investir no desenvolvimento das classes mais vulneráveis (Fernando Haddad).

VEJA TAMBÉMPesquisar vida dos candidatos é o primeiro passo para voto inteligente, alerta padre

DIÁRIO DO SERTÃO

VÍDEO

Músico dá show no Acústico Diário e anuncia novo CD de trabalho; ele contou sobre o início da carreira

57 ANOS

VÍDEO: Prefeito prepara obras para serem entregues no dia da cidade em Santa Helena e convida população

MAIS UMA ESPECIALIDADE

VÍDEO: Clínica de Cajazeiras conta agora com médico especialista em doenças do intestino, reto e ânus

EPISÓDIO 14

VÍDEO: Coisas de Cajazeiras mostra trajetória do ex-prefeito Chico Rolim e fala de segurança no trabalho