header top bar

section content

Raimundo Lira defende união da bancada de senadores nordestinos por rapidez na transposição do São Francisco

Na última sexta-feira (26), Lira anunciou a aprovação, por parte do Banco Mundial.

Por Diário do Sertão

29/02/2016 às 14h55

Raimundo Lira, Senador da Paraíba. Confira!

Presidente da Comissão de Acompanhamento das Obras de Transposição e Revitalização do Rio São Francisco, o senador Raimundo Lira (PMDB-PB) voltou à tribuna do Senado Federal em defesa de uma união dos parlamentares nordestinos para que, juntos, reforcem o apelo ao Governo Federal, para que acelere as obras de transposição.

“Quero mobilizar a Bancada dos Senadores do Nordeste no sentido de que façamos juntos uma atuação mais forte, para que essa transposição prossiga com um ritmo maior do que o atual. A previsão de chegada nos Estados da Paraíba e do Rio Grande do Norte, principalmente, é até o primeiro trimestre, no mais tardar no segundo semestre de 2017, mas aí teremos alguns problemas emergenciais” destacou Raimundo Lira.

O apelo do senador paraibano é para que o Governo possa apressar, antecipar – mesmo com todas as dificuldades financeiras –, investir de uma forma mais forte, mais consistente, para aumentar o ritmo, a velocidade dos trabalhos na transposição. Ele lembrou que, atualmente, mais de 10 mil trabalhadores estão trabalhando nessa obra.

Ramal Piancó – Na última sexta-feira (26), Lira anunciou a aprovação, por parte do Banco Mundial, do financiamento das obras do Ramal Piancó. O prazo de execução do projeto é de seis meses. O anúncio se deu após ele receber, na qualidade de presidente da Comissão Temporária para Acompanhamento das Obras de Transposição, Nota Técnica do Ministério da Integração Nacional confirmando a informação.

Segundo Lira, a notícia é motivo de comemoração, pois o Ramal Piancó vai ampliar o número de municípios paraibanos beneficiados com a transposição. “A Paraíba é o estado mais beneficiado com a transposição, que levará água para 90 municípios. E, com o Ramal Piancó, serão quase 110 municípios beneficiados. Temos que comemorar com alegria esta grande notícia, para a Paraíba e para o nosso povo”.

Em julho de 2015 Lira já havia assegurado os projetos de Viabilidade Econômica e de Impacto Ambiental, junto ao Governo Federal, para permitir a construção do Ramal, que terá extensão de 30 km e abastecerá o conjunto de barragens Coremas/Mãe D’água, o maior do Estado, com aproximadamente 1,1 bilhão de metros cúbicos de água.

Para Lira, a construção do sistema adutor Piancó, no Eixo Norte das obras, é de fundamental importância, tendo em vista que vai garantir a capacidade de armazenamento do sistema de reservatórios Coremas/Mãe D’água.

Assessoria de Imprensa

ELEIÇÕES 2022

VÍDEO: Governador diz que as negociações da chapa ‘estão caminhando bem’, mas ainda sem data de anúncio

LUTO EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: Políticos lamentam as mortes do ex-vereador Severino Dantas e da empresária Jane da Levina

LUTO E RESPEITO

VÍDEO: Ricardo Coutinho diz que avisou a Lula sobre morte do ex-vereador Severino Dantas em Cajazeiras

JUSTIÇA ELEITORAL

VÍDEO: Quem perdeu o prazo da emissão do título pode votar em 2022? Advogado esclarece dúvida frequente

Recomendado pelo Google: